Bia Doria expõe obras em Roma

A artista plástica Bia Doria leva suas esculturas para Roma, na Itália. As obras ficarão expostas de 15 de maio a 15 de junho de 2017, na Basílica Papal de São Paulo Fora da Muralha (Basilica Papale di San Paolo Fuori le Mura). A curadoria é de Livia Bucci, da Galeria Spazio Surreale.

A igreja é uma das quatro basílicas papais de Roma juntamente com a Basílica de São Pedro, a Basílica de São João de Latrão e a Basílica de Santa Maria Maior, além de ser um dos sete templos cristãos de peregrinação da capital italiana. A Basílica Papal de São Paulo foi consagrada em 324 durante o governo do imperador Constantino (306-332). Em 395 foi ampliada, ganhou arquitetura bizantina e passou a contar com cinco naves.

Bia Doria tem na natureza a matéria-prima e o motivo de seu trabalho. A artista percorre de norte a sul do Brasil em busca de resíduos de floresta de manejo, árvores nativas resgatadas de queimadas, desmatamentos, fundo de rios e barragens.