Equipes trabalham nas rodovias da EGR

RSC-453 – Foto: Divulgação/EGR

Na manhã desta quinta-feira (08), o presidente da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR), Nelson Lidio Nunes, apresentou um relatório da situação geral das rodovias administradas pelo órgão ao secretário dos Transportes, Pedro Westphalen. Durante a audiência, os representantes buscaram alternativas e discutiram soluções emergenciais para dar condições de trafegabilidade às rodovias afetadas pelas chuvas, com segurança aos motoristas.

Conforme Nunes, todas estradas administradas pela empresa estão liberadas: “As vias estão aptas para circulação de veículos, há apenas tráfego em meia pista na RSC-453, no km 63, e na ERS-235, no km 37”. O presidente ressaltou ainda que na ERS-122 uma árvore caiu sobre um ônibus e a rodovia chegou a ser bloqueada parcialmente, mas já está liberada. Já na ERS-135, também houve bloqueio momentâneo no km 59 na última noite, em função de queda de árvores na pista. A ERS-129 chegou a ser interrompida no km 124, pela queda de barreira, mas o trafego já está normalizado.

O secretário dos Transportes destacou que está em reunião permanente com a EGR e acompanhando a situação da malha rodoviária. “Estamos constantemente em audiência acompanhando cada trecho de estrada com problemas e buscando dar condições de trafegabilidade nesses lugares ou vias alternativas. O trabalho é ininterrupto para dar segurança à população” afirmou Westphalen.

Trinta e duas equipes estão trabalhando na manutenção e limpeza dos trechos afetados em diversos pontos em que houve queda de árvores ou de barreira. Os bombeiros voluntários e militares de diversos municípios integram os trabalhos.

A EGR disponibiliza um telefone 24h à disposição dos usuários: 0800 648 3903.