Montblanc Edição Patrono das Artes – Homage to Scipione Borghese

Um tributo a um dos maiores colecionadores e patronos da arte barroca do século 17

 

A Montblanc tem reconhecido, há mais de 25 anos, a inestimável contribuição dos mecenas das artes contemporâneos com o prestigioso Prêmio Montblanc de la Culture Arts Patronage. Em 2017, este prêmio será atribuído aos mecenas modernos em 17 países. Cada ano, para coincidir com o Prêmio, é lançado um instrumento de escrita de edição limitada edição, inspirado em um patrono histórico das artes, para homenagear os mecenas contemporâneos.

A Montblanc Patrono das Artes Edição 2017 homenageia Scipione Borghese, o cardeal italiano considerado um dos maiores mecenas e colecionador de arte barroca romana durante o século XVII. Scipione Caffarelli Borghese (1577-1633) tornou-se um dos homens mais ricos de seu tempo depois que seu tio, Camillo Borghese, foi eleito papa Paulo V em 1605 e o nomeou cardeal e chefe dos assuntos governamentais do Vaticano. Graças às finanças tanto do papado como da família Borghese, Scipione Borghese promoveu generosamente as artes plásticas e montou uma das coleções de arte mais valiosas e significativas da Europa.

As peças da coleção estão expostas atualmente no Louvre, em Paris, no Castelo de Windsor, em Londres, e na Villa Borghese, em Roma. Sob o patrocínio de Borghese, artistas como o pintor Caravaggio e o escultor Bernini criaram peças inovadoras que se tornariam as primeiras pedras de toque do estilo barroco.

A Edição Patrono das Artes Homage to Scipione Borghese é um tributo a este grande mecenas, com detalhes de design lembrando sua paixão pelas artes e o legado que sobrevive através das obras que ele reuniu durante sua vida.