Região Sudeste recebe PPA Participativo

Foto: Gabriel Ost

Na noite de sexta-feira, 23 de junho, foram os moradores da região Sudeste que participaram da terceira plenária regional do Plano Plurianual (PPA) Participativo 2018- 2021, realizada na sede da Associação de bairro Residencial Santa Catarina, no bairro Santo André. O PPA Participativo é organizado pela Prefeitura, através das secretarias de Gestão e Governo e do Orçamento Participativo. A plenária da região sudeste abrangeu moradores dos bairros Rio branco, Residencial Santa Catarina, Santo André, Vila Planalto, Pinheiros, Campestre, Vila São Cristóvão, Born e Parque Recreio Monte Belo. Ainda estão previstas outras cinco plenárias: nas regiões Leste, Nordeste, Centro, Sul e Norte 1.

O prefeito Ary Vanazzi destacou que o governo está indo às comunidades para ouvir e tratar dos principais problemas que estão enfrentando. “O PPA é para discutir com uma visão estratégica da cidade, um olhar geral. A ideia é discutir todos os investimentos que a cidade pode fazer, as obras estruturais do município. Como os recursos são escassos, o governo tem que tomar uma decisão, olhando para as situações mais graves. Em outro momento vamos fazer o OP para discutir a região”, afirmou. Vanazzi falou ainda sobre a redução dos programas do governo federal, que refletem nos municípios, com menos recursos.

 

O secretário de Gestão e Governo, Marcel Frison, apresentou a situação financeira do município e afirmou que a participação é importante para elaborar as diretrizes para os próximos quatro anos, pensando a cidade como um todo. “Temos que abordar a situação do município para situar a comunidade e definir, a partir desta realidade, como vamos pactuar, inclusive com as demandas que foram definidas no processo do ano anterior”, falou. Segundo o secretário, as demandas do OP do ano passado não foram previstas no orçamento de 2017, em alguns casos houve processo licitatório, empenhos, mas foram cancelados pelo governo anterior.

A secretária do OP, Janaína Fernandes, explicou que o PPA é voltado para a discussão do orçamento geral do município. “Ao contrário do governo federal, estamos chamando a população para debatermos juntos o orçamento do município”, destacou.

 

Na presença do prefeito Ary Vanazzi e vários secretários do governo, os moradores da região questionaram sobre demandas na área da educação, saúde e para a juventude. Também pediram esclarecimentos sobre serviços de saneamento e sugestões para a área de Mobilidade Urbana. A moradora Lourdes Machado, falou sobre a necessidade de um espaço para atividades culturais voltada para os jovens. Um grupo de participantes aproveitou e definiu um próximo encontro para tratar do assunto. “É fundamental este espaço para discutirmos com a prefeitura as nossas demandas”, disse Lourdes.

 

Também acompanharam a plenária, os secretários Carlos Sant’Ana (Segurança), Nelson Spolaor (Habitação), Oneide Bobsin (Educação), Joseli Troian (Política para Mulheres), Hélio Teixeira (Direitos Humanos), Rogério de Brito (Esporte e Lazer), Sandro Lima (Serviços Públicos). O diretor-geral do Serviço Municipal de Água e Esgotos (Semae), Nestor Schwertner, representantes do Hospital Centenário, Ouvidoria, Saúde e Desenvolvimento Social estiveram presentes.

Sobre o PPA

Após a sistematização, as diretrizes serão enviadas para as áreas do governo responsáveis pela matéria a fim de traduzi-las em programas e ações, devidamente orçadas e quantificadas para o período de quatro anos compreendidos entre 2018 e 2021, onde irão compor o projeto do PPA a ser enviado pelo Prefeito à Câmara de Vereadores no prazo limite de 30 de julho de 2017.