Concerto gratuito em Porto Alegre neste domingo

Grupo Lux Sonora se apresenta amanhã (10), às 17h, no Salão Mourisco da Biblioteca Pública do Estado

O grupo Lux Sonora apresenta um passeio pelos grandes compositores – Foto: Fábio Rebelo

O grupo Lux Sonora, criado em 2016 como resultado da Escola de Música do Instituto Popular de Arte-Educação (IPDAE), apresenta-se no domingo (10), às 17h, no Salão Mourisco da Biblioteca Pública do Estado (BPE). O repertório traz um passeio pelos grandes compositores, como Purcel, Dowland, Vivaldi, Telemann, Bach e Albinoni, com arranjos e adaptações feitas para a formação pelos próprios membros do grupo. A entrada é gratuita.

O Lux Sonora propõe resgatar o repertório de câmara dos séculos 14 a 18, hoje tão esquecidos e de uma profundidade estética e retórica sem igual, utilizando a instrumentação moderna para a performance. Tem a música acima de qualquer paradigma, sem perder a qualidade e pesquisas feitas até o momento.

O trabalho conta com a participação de alunos e ex-alunos da Escola de Música do IPDAE: Danielle Chaves e Bruno Santos, na flauta doce; Elizander Dutra no fagote; Luciano Gularte Corrêa e Rafael Marques, na flauta transversa.

Repertório

Concerto in Sol Minore (Allegro – Largo – Allegro) – A. Vivaldi
Trio in D-Moll (Andante – Allegro – Grave – Allegro) – G. Telemann
Trio in G-Moll (Soave – Allegro) – G. Telemann
Chaccone – H. Purcel
Come Again – J. Dowland
Flow My Tears – J. Dowland
Concerto in Dó Majore (Allegro – Cantábile – Allegro) – A. Vivaldi
Contrapunctus I – J.S. Bach
Sonata I a 5 (Grave – Allegro – Adágio – Allegro) – T. Albinoni
Sonata II a 5 (Largo – Allegro – Grave – Allegro) – T. Albinoni

Escola de Música IPDAE

Fundada em 2006, visa a promover a educação musical de crianças, adolescentes e jovens e contribuir para o processo de inclusão sócio-cultural da comunidade. Atende a 250 alunos, oferecendo os cursos de flauta doce, flauta transversa, violino, viola, violoncelo, piano, contrabaixo, canto coral e teoria musical, além de contar com diferentes grupos musicais. Os cursos são ministrados por profissionais com formação específica no instrumento que lecionam e com um programa de educação continuada, com oito anos de duração.

O Instituto Popular de Arte-Educação (IPDAE) foi fundado em 1998, na Lomba do Pinheiro, e consiste em uma associação sem fins lucrativos, que reúne a Biblioteca Leverdógil de Freitas, a Escola de Música, com diferentes grupos artísticos (Orquestra de Câmara, Orquestra Jovem, Orquestra de Flautas Transversas,  Conjunto de Violinos, Conjunto de Flautas Doce ‘In Nomine’, Coro Infantil e ‘Vox Habilis’ Coro Jovem), o Museu Comunitário da Lomba do Pinheiro e o Memorial da Família Remião. As ações desenvolvidas propõem o acesso à leitura, à musica, à arte e à cultura, como instrumentos mediadores na formação do indivíduo.

SERVIÇO

O quê: Lux Sonora

Quando: Domingo (10), às 17h

Onde: Salão Mourisco da Biblioteca Pública do Estado (Rua Riachuelo, 1.190, Centro Histórico, Porto Alegre)