Juan Pablo Sorín fica em terceiro em torneio de pôquer no Uruguai

O ex-jogador de futebol argentino Juan Pablo Sorín sempre foi ídolo e muito querido por onde passou, seja no River Plate, no Cruzeiro ou no Villarreal da Espanha. E após a aposentadoria dos gramados, o agora comentarista esportivo resolveu se aventurar em um uma nova modalidade: o pôquer, um dos esportes que mais crescem no Brasil e também no mundo todo.

Sorín marcou presença no PokerStars Festival Uruguai – uma etapa de um dos circuitos mais importantes do jogo da mente– e disputou um torneio para convidados, que contou ainda com a presença da modelo Bruna Unzueta, do DJ e ex-vocalista da banda Cine Diego Silveira, além dos YouTubers João Pica Seca e Elaine Paiva (do canal Meu Mundo Minha Vida). E o ex-craque do futebol mostrou que já está inteirado com a nova modalidade, ficando com a terceira colocação do torneio que registrou 30 inscritos e se encerrou neste último fim de semana.

“Eu sempre gostei de jogos de cartas como truco e chincon – modalidade bastante popular na Argentina – desde mais novo. E acabei aprendendo também sobre o pôquer com meus amigos. Eu jogava muito nas concentrações do futebol, principalmente no Hamburgo da Alemanha, onde tinha muito holandês no elenco, e aí fui pegando cada vez mais gosto e acabei participando até de alguns torneios”, comentou Sorín.

Além de ser mostrar um fã do pôquer, Sorín lembrou ainda que a mídia tem grande papel sobre o esporte, principalmente no que diz respeito à habilidade da modalidade. “Acho que a televisão – e suas transmissões – deu uma maior amplitude ao esporte. Isso fez com o pôquer caísse cada vez mais no gosto das pessoas, principalmente porque elas foram aprendendo que se trata de um jogo de habilidade mental”, finalizou.