Legislativo hamburguense fará homenagem aos 70 anos do Hospital Municipal

O Hospital Municipal de Novo Hamburgo comemorou no início do mês seu 70º aniversário. Como mais uma forma de celebrar a data, o Poder Legislativo, a partir de requerimento assinado pelos vereadores Enfermeiro Vilmar (PDT), Enio Brizola (PT) e Nor Boeno (PT), realizará sessão solene na noite desta quinta-feira, 9 de novembro, no Plenário Luiz Oswaldo Bender, na rua Almirante Barroso, 261, no Centro. A solenidade terá início às 19 horas.

O Hospital

Inaugurado no dia 1º de novembro de 1947 como Hospital Operário Darcy Vargas – nome em homenagem à esposa do ex-presidente brasileiro Getúlio Vargas –, o Hospital Municipal de Novo Hamburgo começou a ser pensado em 1939, com a fundação da Associação Maurício Cardoso. A pedra fundamental foi lançada no mesmo ano, mas as obras só foram concluídas oito anos mais tarde. O primeiro médico que trabalhou no hospital foi Léo Breno Adams, que atuou sozinho por seis anos. Desde então, a instituição passou por inúmeras mudanças. Em 1991, passou a se chamar Hospital Geral. Apenas em 2001 recebeu seu nome atual.

Gerido pela Fundação de Saúde Pública de Novo Hamburgo (FSNH), o Hospital Municipal tem seu foco voltado ao atendimento de urgência e emergência, oferecendo plantão ininterrupto nas especialidades de traumatologia, clínica geral, gineco-obstetrícia, cirurgia geral, vascular e neurocirurgia, anestesiologia, neonatologia e tratamento intensivo. A casa de saúde conta atualmente com 230 leitos, realizando uma média de mil internações hospitalares por mês e de 57 mil procedimentos ambulatoriais por ano, entre diagnósticos, clínicos e cirúrgicos. O Hospital é referência regional para procedimentos de alta complexidade em cardiologia, casos de acidente vascular cerebral (AVC) e para pacientes regulados pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).