Couromoda promove evento unindo preview e informação

Que o mundo passa por uma mudança de era e não uma era de mudanças já é sabido. Foi com esse pensamento que o grupo Couromoda, há 45 anos na vanguarda do setor calçadista nacional, inovou mais uma vez ao realizar o Preview Couromoda 2018. O evento, realizado entre os dias 9 e 11 de novembro, no Expo Center Norte, em São Paulo/SP, trouxe muito mais do que as coleções de inverno dos seus 151 expositores, trouxe provocações fundamentais para a sobrevivência da indústria e do varejo de calçados.

O presidente-executivo da Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados), Heitor Klein, destaca que o momento é de mudança radical para o setor e que a empresa que não souber se adaptar dificilmente sobreviverá às necessidades de um novo tipo de consumidor. “A Couromoda, mais uma vez, foi além de uma feira comercial de calçados, realizando uma provocação fundamental para o setor calçadista, desde a base até a ponta do varejo”, comenta, em referência ao evento de preview e também ao Couromoda Digital, um fórum que reuniu especialistas nas áreas de tecnologia e moda para falar sobre as mudanças nas modalidades de vendas, especialmente acerca de marketing virtual e e-commerce.

Para o presidente e fundador do grupo Couromoda, Francisco Santos, o modelo de preview, baseado especialmente no acesso a serviços para industriais e lojistas, é uma realidade que não tem volta. “Temos pelo menos 20 expositores que já disseram que irão vir para o próximo evento com mais força do que para a Couromoda de janeiro”, conta. Segundo ele, o fato da estrutura ser mais enxuta, mais focada em produto e com custo, pelo menos, 50% menor, também foi elogiada tanto por fabricantes quanto por lojistas.

Futuro
O diretor geral da Couromoda, Jeferson Santos, projeta que o Preview deva ter de 30% a 35% o tamanho da Couromoda de janeiro nos próximos dois anos, o que também vai depender do engajamento da indústria, que precisará, efetivamente, realizar lançamentos no evento de novembro. “Tivemos grandes redes, especialmente de São Paulo, presentes. Eles, que não tinham essa feira no calendário, ficaram surpresos com as palestras e também com as coleções lançadas, o que nos deixa otimistas para o próximo evento de preview”, acrescenta o diretor.
Segundo Jeferson, para o próximo ano, além de trabalhar o evento com lojistas brasileiros, a ideia é trazer importadores da América Latina com foco nesse tipo de evento.