ExtraNegócios

Desafio Tamboro recruta novos talentos

Tamboro startup brasileira de inovação em educação que desenvolve soluções on-line que ajudam a aprimorar o desempenho de jovens profissionais que estão ingressando no mercado de trabalho – está lançando o Desafio Tamboro, para recrutar novos talentos para a empresa. Os selecionados participarão do Programa de Estágio Tamboro, com duração de 1 ano, no qual passarão por diversas áreas. As vagas são para os escritórios no Rio de Janeiro e em São Paulo.

O Desafio é voltado para universitários a partir do 5º período em cursos relacionados às áreas de Exatas e Humanas, como Administração de Empresas, Comunicação Social, Publicidade & Propaganda, Marketing, Ciências Contábeis, Economia, Engenharia de Produção, Tecnologia da Informação, Sistemas da Informação, entre outros. Os selecionados participarão de um programa de estágio de 6 horas diárias com uma bolsa-auxílio de R$ 2 mil, vale-refeição e vale-transporte.

O processo seletivo será dividido em quatro etapas on-line, sendo que as duas primeiras serão classificatórias e as duas últimas, eliminatórias. Na primeira delas, os candidatos terão que realizar uma autoavaliação, além de passar por testes sobre Conhecimentos Gerais, Língua Portuguesa e Lógica. Já na segunda, as avaliações serão sobre Criatividade, Resolução de Problemas e Comunicação, enquanto a terceira fase aborda sobre Diversidade, Tendências, Pensamento Crítico, Tomada de Decisão e Produção Textual. Já na quarta etapa os concorrentes terão que realizar uma autoapresentação.

Para Samara Werner, CEO da Tamboro, o desafio é capaz de avaliar todos os tipos de competência necessárias para atuar e se destacar no mercado de trabalho. “Por meio desse modelo, conseguimos avaliar de forma ágil o nível de desenvolvimento das habilidades do século 21. Ao longo das etapas, os candidatos não só são avaliados, como também adquirem novos conhecimentos.”

Somente após as quatro fases on-line do Desafio, os concorrentes selecionados precisarão enviar os currículos para avaliação e serão convidados para uma entrevista presencial. “Estamos em busca de talentos e não de currículos. Queremos conhecer os candidatos e entender como está o desenvolvimento de suas habilidades”, finaliza Samara.