CASANEWS

Eliane Revestimentos se inspira na tendência Slow Future

Em um mundo cada vez mais acelerado – onde a globalização e a conectividade da tecnologia preenchem o cotidiano com novidades diárias -, histórias e origens tendem a ser deixadas de lado, tornando-se efêmeras em sua essência. Mas surgem movimentos que buscam preservar e enaltecer as raízes em diferentes âmbitos da sociedade – comportamento, relacionamentos, moda e decoração, por exemplo. A tendência Slow Future propõe um olhar ao passado para imaginar o futuro, fazendo das memórias e lembranças um trampolim para a criatividade e a criação.

Tendo isto como pano de fundo, a Eliane Revestimentos apresenta a coleção Patch Índico, que se utiliza da história e da nostalgia como ferramentas de design. Retomando sua própria história como pioneira na fabricação de azulejos no Brasil, a Eliane traz para o portfólio 2018 novas peças artísticas no formato clássico – representadas pelas medidas 20 x 20 cm –, que unem a estética artesanal das superfícies à fabricação industrial, em desenhos e cores contemporâneos e sensíveis, um mix de nostalgia e atualidade.

Inspirada na origem marinha, a coleção traz formatos geológicos, onde a riqueza da vida nas águas é traduzida em traços precisos delineados pela própria natureza: a formação espiral das conchas, as composições do bioma aquático e seus diversos habitantes, o movimento natural das ondas e oceanos. Toda esta experiência visual dos azulejos artísticos Patch Índico traz para a decoração dos ambientes a atmosfera leve e relaxante do mar, reforçada pelas pinceladas delicadas em tonalidades típicas dos oceanos – transitando entre o mais profundo verde à suavidade dos azuis –, em um décor intuitivo e rico em elementos.