Variedades

Quem viaja a negócios também se diverte, mas não conta pra ninguém

Engana-se quem pensa que os viajantes frequentes a negócios estão sempre estressados, não têm tempo para se cuidar ou planejam reduzir o ritmo de viagens em 2018. Segundo pesquisa* realizada pela National Car Rental sobre viagens a negócios, 80% de quem viaja encontra tempo para atividades de lazer ou pessoais, mas não se sente à vontade para contar no trabalho ou em casa.

38% consideram que falar para o chefe não é uma boa ideia, 40% evitam comentá-las com colegas e 31% não contam nem para os seus cônjuges ou companheiros. Um quarto (25%) dos entrevistados chega ao ponto de evitar publicações em redes sociais sobre momentos de lazer durante as viagens. Mas tal segredo pode ser desnecessário. Os resultados da pesquisa revelam que quase todos os chefes e supervisores entrevistados (92%) apoiam os seus funcionários na iniciativa de se divertir durante as viagens de negócio.

Previsão para as viagens a negócio em 2018

A maioria dos viajantes a negócios pretende repetir o mesmo número de viagens ou até mais:

• 90% deles planejam viajar em 2018, no mínimo, o mesmo número de vezes que em 2017 ou até mais (63 % afirmam que viajarão o mesmo número de vezes e 27 % planejam viajar ainda mais);

• 41% dos homens da geração Millennial (nascidos entre o início dos anos 80 e início dos 90) e 36% das mulheres da geração X (nascidos da metade dos anos 60 ao início dos anos 80) são os grupos que afirmam que pretendem viajar mais em 2018;

• 89 % estão satisfeitos com a quantidade de viagens a negócios que fazem.

Os entrevistados da geração Baby Boomers (nascidos entre 1946 e início dos anos 60) são os mais satisfeitos com as viagens a negócios

Entre as gerações entrevistadas, o público mais velho é o que se mostra mais satisfeito com as suas viagens a negócios:

• 93% se mostraram significativamente mais satisfeitos que os da geração dos Millennials (89%) e da geração X (86 %) com a quantidade de viagens a negócio que fazem;

• 94% também estão significativamente mais satisfeitos com a qualidade de vida que levam na estrada que os da geração X (90%);

• Homens da geração X são os mais insatisfeitos com a qualidade de vida durante as viagens a negócio (11 % estão muito ou algo insatisfeitos).

Os clientes que viajam a negócio aproveitam os programas de fidelidade e tecnologia

Quem viaja a negócio usa programas de fidelidade para ajudar na rotina de viagens e obter vantagens na hospedagem:

• 66 % afirmam que fazem parte de programas de fidelidade de companhias aéreas, 64% de programas de fidelidade de hotéis e 39% de de locadoras de veículos;

• Smartphones e programas de fidelidade os mantêm mais equilibrados e conectados com a sua vida pessoal, enquanto estão viajando a negócio (80% apontam os smartphones; 57% os programas de fidelidade de companhias aéreas; 56% os programas de fidelidade de hotéis e 28% das locadoras de veículos).

*A Pesquisa da National Car Rental foi realizada entre os dias 4 e 11 de dezembro de 2017, com mil viajantes frequentes a negócio nos Estados Unidos, no banco de dados de viajantes a negócios da Research Now. No momento da pesquisa, os participantes tinham idades entre 25 e 65 anos, estavam empregados ou eram empreendedores e tinham viajado nos últimos 12 meses a negócio por, no mínimo, um total de 8 noites.