Esportes

Inter vence o Santos na Vila Belmiro

Apresentando um futebol equilibrado, o Internacional conquistou mais uma vitória fora de casa no Brasileirão. Na noite deste domingo, o time colorado bateu o Santos por 2 a 1, na Vila Belmiro, e chegou a sete jogos de invencibilidade. Leandro Damião, de pênalti, abriu om placar e chegou aos 100 gols com a camisa do Clube do Povo. Na etapa final, o Peixe empatou também em cobrança de pênalti, mas Víctor Cuesta marcou o gol da vitória momentos depois na partida válida pela 11ª rodada.

Quinto colocado – com 19 pontos, a um de distância do vice-líder -, o Inter recebe o Vasco da Gama na quarta-feira (13/6), às 21h45, na última partida antes do recesso do campeonato por 30 dias por conta da disputa da Copa do Mundo da Rússia.

Inter vai para cima na Vila Belmiro

O Santos tentou pressionar nos minutos iniciais, mas o Inter estava bem posicionado defensivamente e conteve o ímpeto dos donos da casa. E não demorou para que o Colorado mostrasse as suas armas na Vila. Aos 7min, William Pottker roubou, com um carrinho, a bola dos pés de Vanderlei e chutou em cima do goleiro, ganhando um escanteio. Aos 15min, Lucca concluiu e a bola passou pertinho da trave. Aos 19min, Iago cruzou e Leandro Damião cabeceou, com perigo, à esquerda do gol santista. Aos 21min, Damião escorou para Patrick, de dentro da área, finalizar por cima do travessão. Aos 28min, Damião disparou uma bomba que acertou a rede pelo lado de fora.

Damião marca, de pênalti, seu centésimo gol

Ameçador nos contra-ataques, o Colorado já fazia por merecer o gol. Aos 31min, Iago invadiu a área e foi derrubado por Renato. Pênalti indiscutível! Leandro Damião cobrou e anotou o seu centésimo gol com a camisa colorada!

Leandro Damião está cobrando o pênalti que resultou no seu centésimo gol com a camisa colorada

Danilo Fernandes substituído no intervalo

Aos 37min, Danilo Fernandes fez importante intervenção ao espalmar a bola após cruzamento que veio da direita. No lance, o goleiro se chocou com Rodrigo Moledo e precisou receber atendimento médico. Danilo permaneceu em campo até o final do primeiro tempo, mas, no intervalo, foi substituído por Daniel. Aos 44min, um susto: Eduardo Sasha, ex-Inter, chutou cruzado e a bola explodiu na trave.

Em pênalti duvidoso, Santos iguala

O segundo tempo começou movimentado. Aos 2min, Lucca avançou pela ponta-esquerda e cruzou para a área – a bola chegaria para William Pottker concluir, mas David Braz fez corte providencial. No minuto seguinte, a arbitragem marcou um pênalti para lá de duvidoso de Rodrigo Moledo sobre Gabriel. O próprio jogador bateu e igualou o marcador.

Víctor Cuesta marca de cabeça: 2 a 1

O Inter nem pensou em se abater e foi letal na cobrança de bola parada. Aos 8min, Lucca cobrou falta e alçou a bola na área, onde Víctor Cuesta saltou de forma soberana para marcar o segundo gol colorado! 2 a 1! Foi o quinta vez que o zagueiro balançou as redes do adversário vestindo a camisa do Clube do Povo. Após o gol, Lucas Veríssimo foi expulso por reclamação. Com isso, o técnico Jais Ventura colocou o zagueiro Gustavo Henrique no lugar do atacante Gabriel.

Observado pelo companheiro de posição Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta vibra com o gol

Três pontos na bagagem

O Inter também fez mais uma alteração aos 31min, colocando Nico López no lugar de Lucca. Mais tarde, Rossi ainda entraria na vaga de Damião. Aos 36min, o goleiro Daniel, oriundo das categorias de base e que fez contra o Santos a sua quinta partida pelo time principal, mostrou o seu valor ao defender a investida de Gustavo Henrique. Logo em seguida, Bruno Henrique soltou uma bomba que raspou a trave direita. Aos 43min, Nico López quase ampliou, mas Vanderlei conseguiu espalmar para escanteio o chute de fora da área do atacante uruguaio. Aos 45min, foi a vez do Inter escapar de sofrer o gol, em chute de Léo Cittadini que passou muito perto da trave esquerda. Nada mais tirada a vitória do Colorado!

Ficha técnica:

Santos (1): Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, David Braz e Dodô; Renato, Diego Pituca, Gabriel (Gustavo Henrique), Jean Mota (Bruno Henrique) e Rodrygo; Eduardo Sasha (Léo Cittadini). Técnico: Jair Ventura.

Internacional (2): Danilo Fernandes (Daniel); Fabiano, Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado e Edenilson; William Pottker, Patrick e Lucca (Nico López); Leandro Damião (Rossi). Técnico: Odair Hellmann.

Gols: Leandro Damião (I), de pênalti, aos 33min do primeiro tempo, Gabriel (S), de pênalti, aos cinco minutos do segundo tempo, Víctor Cuesta (I), aos 8min do segundo tempo.

Cartões amarelos: Jean Mota, Pituca, Bruno Henrique (S); William Pottker, Edenilson, Rossi, Rosdrigo Dourado (I). Expulsão: Lucas Veríssimo (S).

Arbitragem: Wagner do Nascimento Magalhaes, auxiliado por Luiz Claudio Regazone e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (trio do Rio de Janeiro).

Local: Vila Belmiro, em Santos.

 

Tags

Artigos relacionados

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios