EventosVariedades

Dança Moderna de Martha Graham tem apresentações no Memorial do RS

A bailarina coreógrafa e professora Marilice Bastos demonstra sua experiência com a técnica da coreógrafa americana cópia - Dança Moderna de Martha Graham tem apresentações no Memorial do RS
A bailarina, coreógrafa e professora Marilice Bastos demonstra sua experiência com a técnica da coreógrafa americana – Foto: Claudio Etges

A bailarina, coreógrafa e professora Marilice Bastos demonstra sua experiência com a técnica da coreógrafa americana. Nos dois próximos finais de semana ( 12 e 13; 19 e 20) das 15h30 às 17h, haverá apresentações no primeiro andar do Memorial do Rio Grande do Sul a Dança Moderna de Martha Graham: encontro do passado com o cotidiano atual em Porto Alegre. O espetáculo é a performance de Marilice Bastos, além do lançamento do videodança À Dor Naciones, finalizado com um bate-papo. A entrada é franca.

O evento busca preservar a história da dança moderna de Graham em Porto Alegre, sugerindo a possibilidade de encontro com a contemporaneidade e a transdisciplinaridade das artes através do relato dessa experiência. O número de dança expõe a técnica com um diálogo com o corpo contemporâneo. E a apresentação do videodança contextualiza essa prática na dança contemporânea. O público pode participar de uma conversa com Marilice Bastos, inspirada em seu artigo Impressões da Dança de Martha Graham em Porto Alegre – Um relato de experiência, do livro Olhares da dança em Porto Alegre (2016).

Sobre Martha Graham:

A dança moderna de Martha Graham é quase extinta no Brasil e foi criada pela bailarina e coreógrafa americana no início do século 20. Desde o início de sua pequena companhia, em 1926, fundou uma escola que ficou conhecida no mundo todo – Martha Graham and Dance Group – até sua grande companhia The Martha Graham Dance, atuante nos dias de hoje.

Graham coreografou mais 200 danças, muitas consideradas obras-primas, mas obteve reconhecimento por descobrir um novo caminho para os movimentos, se não belos, significantes em suas descobertas e inovações, que elevaram o discurso da dança, ampliando significativamente essa linguagem.

Marilice Bastos:

Bailarina, coreógrafa e professora em Porto Alegre. Atualmente dirige o Espaço Cultural DCDA, fundado em 2012, onde também ministra aulas. Tem formação eclética, com vivências em artes marciais, yoga, balé clássico e dança flamenca. Atua como bailarina contemporânea e utiliza como elemento base para suas criações os princípios da dança moderna de Martha Graham, técnica que aprendeu com Nair Moura, aluna de Cecy Frank – pioneira no ensino da técnica em Porto Alegre.

Ficha Técnica do Videodança:

Direção e roteiro: Marilice Bastos
Criação musical do videodança: Paulo Dionísio, Gustavo Herscovitz, Cristhyan C. Munoz, Gutcha Ramil Magalhães
Andressa Ferreira e Guga Munhóz
Edição: Marilice Bastos
Imagens: Marilice Bastos, Tina Bastos e Lucia Vanesa Vasquez
Coadjuvantes: Aline Schindlre e Tina Bastos
Produção: DCDA

Artigos relacionados