GeralNovo Hamburgo

Cidades apresentam ideias em seminário realizado pelo Comitesinos

DSC4502 - Cidades apresentam ideias em seminário realizado pelo Comitesinos

Projetos que extrapolam a maneira habitual de se fazer educação ambiental, incluindo trilhas orientadas e interpretativas com estudantes e comunidade, visitas técnicas com agricultores, replantio de vegetação da mata ciliar, pesquisa sobre doenças de veiculação hídrica, oficinas, exposições fotográficas, foram algumas das ideias apresentadas em seminário realizado pelo Comitesinos, nesta quarta-feira, 01, na Unisinos.

A atividade foi realizada com o objetivo de apresentar as propostas das respectivas equipes locais dos municípios que desejam participar da terceira etapa do Projeto VerdeSinos. Sob a coordenação do Comitesinos, mas com indispensável parceria da EMATER-ASCAR-RS, prefeituras (através de centros de educação ambiental e escolas pólo do Projeto Dourado), o VerdeSinos irá destinar aos municípios os recursos que compõem o fundo do Projeto.

DSC4491 - Cidades apresentam ideias em seminário realizado pelo Comitesinos

Serão mais de R$ 800 mil para trabalhos de preservação e recuperação ambiental da bacia do Rio dos Sinos, provenientes do estabelecimento de acordos no âmbito da Promotoria Regional do Rio dos Sinos – MP-RS.  O encontro dos municípios se estendeu durante todo o dia e serviu para que o grande grupo, com todos os municípios, apreciasse os trabalhos e as ideias propostas. Os municípios que estiveram representados e defenderam seus projetos foram: Igrejinha, Rolante, Riozinho, Novo Hamburgo, Ararica, Caraá, Campo Bom, Esteio, Estância Velha, Portão, Santo Antônio da Patrulha, Sapiranga e Sapucaia do Sul.

Os valores para cada município serão priorizados de acordo com a relevância das atividades propostas, iniciando no primeiro trimestre de 2018. Um dos destaques do município de Campo Bom, trouxe como exemplo o trabalho de fitorremediação, processo que utiliza plantas como agentes de purificação de ambientes aquáticos ou terrestres, contaminados ou poluídos, que será aplicado em um bairro da cidade. Novo Hamburgo trouxe a ideia de ofertar capacitações para os agricultores familiares sobre bioengenharia, produção de orgânicos e fruticultura e ainda capacitar sobre o uso eficiente das estufas de produção de mudas.  Estância Velha apostou em visitas in loco e cursos de Plantas Medicinais e Manejo e Conservação do Solo. Santo Antônio da Patrulha planeja consolidar a produção limpa de alimentos orgânicos e monitorar através de análises de qualidade da água com estudantes da zona rural e urbana.

Etiquetas

Artigos relacionados

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios