Notícias

Lula está em São Bernardo do Campo acompanhado de lideranças petistas

Conforme a decisão, Lula terá até as 17h de amanhã (6) para se apresentar à Polícia Federal (Marcelo Chello/AP)

A movimentação na porta do Instituto Lula ficou mais agitada após a decisão do juiz Sérgio Moro, que determinou a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O ex-presidente, que esteve no local durante o dia todo, deixou o local às 18h30, ao lado do advogado, em seu carro, sem falar com a imprensa. O carro saiu rápido, acompanhado por fotógrafos e alguns curiosos que tentavam fotografá-lo. O destino de Lula foi a sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo, cidade onde mora. O Globocop, helicóptero da Rede Globo, seguiu o carro em que estava Lula, também seguido por outros dois carros, provavelmente seguranças, além de motos com cinegrafistas e fotógrafos.

A ex-presidente Dilma Roussef foi uma das primeiras pessoas a se juntar a Lula no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, além do deputado federal Paulo Pimenta, o líder dos sem-teto Guilherme Boulos, o deputado federal Lindbergh Farias, entre outros.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo