Início ATUAL Dicas práticas para otimizar espaços na sua residência

Dicas práticas para otimizar espaços na sua residência

Cada vez mais a otimização de espaços é uma saída para quem busca mais conforto e praticidade, seja nos apartamentos ou nas casas, já que a tendência de imóveis com medidas menores vem se tornando uma realidade nos últimos anos.
Além disso, em muitos casos a residência deixou de ser apenas uma moradia e se tornou também um espaço de trabalho, ou seja, também é um home office, por isso cada centímetro deve ser valorizado para que esse ambiente seja não só aconchegante, mas também funcional. Atento a esta nova demanda no setor, Eufrásio Humberto Domingues, fundador do Grupo Realibrás/Conspar, explica como investir na otimização de espaços e traz orientações para quem busca o melhor aproveitamento do imóvel.
“Utilizar o espaço de forma inteligente, sem dúvida, melhora a qualidade de vida da família toda, isso porque abre um leque de opções e possibilidades que antes não eram vistas, portanto essa residência deixa de ser apenas um dormitório, mas também um espaço onde é possível ter mais conforto para receber visitas, trabalhar em casa e até mesmo passar mais tempo com a família”, afirma Domingues.
Para quem busca soluções práticas, confira abaixo 8 orientações para aproveitar ao máximo cada ambiente;
1: Aproveite as paredes
Umas das melhores dicas é justamente explorar as paredes, isso porque muitas vezes elas acabam se tornando apenas um espaço para os quadros, mas saiba que podem servir para pendurar prateleiras e armazenar livros ou filmes, além disso os ganchos também funcionam muito bem para pendurar bolsas ou casacos. Abuse da criatividade e utilize as paredes a seu favor.

cozi 004 623x468 - Dicas práticas para otimizar espaços na sua residência
2: Aposte em cores neutras
Para que o ambiente se mantenha mais iluminado e amplo, as cores mais claras e neutras podem ser grandes aliadas para espaços pequenos. Escolha uma cor predominante para todo o espaço em um tom neutro e utilize cores para a decoração como tapetes, almofadas ou quadros, por exemplo.
3: Espelho, espelho meu
Muitos podem torcer o nariz quando se fala em espelhos, mas se usados com sabedoria, ajudam muito a dar mais amplitude aos ambientes, criando jogos visuais interessantes. Podem ser usados na vertical ou horizontal e não necessariamente precisam preencher todo o imóvel. Experimente utilizá-los em posições estratégicas, como, por exemplo, ao fundo da mesa de jantar, portas de armários ou móveis.
4: Cada centímetro é válido 
Sabemos que uma das maiores dificuldades é encontrar lugares para guardar tudo o que queremos, por isso cada canto pode se tornar muito útil para desempenhar esse papel. Alguns itens tomam mais espaço como panelas, produtos de limpeza ou jogo de toalhas, por isso armários nas quinas que vão até o teto ou prateleiras nos cantos podem ser uma boa pedida para armazenar esses itens. Além disso, no caso de imóveis que têm escadas, elas podem servir de gavetas embutidas e o vão também é um bom lugar para colocar prateleiras ou armários.
5: Móveis planejados e multiuso 
Os famosos móveis planejados podem fazer toda a diferença na organização de um apartamento ou casa, isso porque são feitos sob medida para se adaptarem de acordo com o estilo de vida de cada um. Isso vale para todos os ambientes, até mesmo a cozinha, que pode ter eletrodomésticos maiores, como fogão e geladeira, embutidos. Prefira móveis baixos e/ou vazados, assim você evita barreiras visuais no ambiente que podem diminuir a sensação de espaço, além disso opte por portas de correr e fuja de peças que ficam no meio do caminho, como mesas de centro, por exemplo.
Conforme dito, os móveis planejados são peça fundamental para otimizar os espaços, portanto aproveite para torna-los multiuso, ou seja, camas com baú, sofá-cama, escadas com gavetas, as possibilidades são muitas; por isso o ideal é contratar uma empresa especializada que pode desenvolver um projeto único para ir de encontro com as suas expectativas e principalmente com as suas necessidades.
6: Valorize a iluminação 
Assim como as cores mais claras das paredes dão uma sensação de amplitude, um ambiente bem iluminado também, por isso, se possível, aproveite ao máximo a iluminação natural com janelas grandes ou utilize cortinas ou persianas com cores mais claras. No caso do uso da luz artificial, prefira a indireta, isso porque a luz branca direta pode até ampliar um ambiente, mas por outro lado não o deixa nada aconchegante, por isso aposte em jogos de luz quentes que deem mais destaque a objetos ou cantos.
Outro ponto importante da iluminação artificial é aproveitas o espaço com luminárias embutidas, que dão a possibilidade de combinações e efeitos em qualquer cômodo, isso porque as atuais lâmpadas de LED trazem versatilidade e o melhor de tudo, economia de energia.