Moda & Beleza

Protetor solar também barra luz de lâmpadas e eletrônicos

Usar protetor solar todos os dias é uma recomendação básica de todo dermatologista, embora nem todas as pessoas sejam de fato adeptas do cuidado. Os raios UV são os principais responsáveis pelo surgimento de manchas, envelhecimento precoce da pele e até problemas graves, como o câncer.

O ponto é que não é a sensação de queimação ou de calor que determina a presença de raios UV. Eles estão presentes todos os dias, independentemente das nuvens no céu. Além disso, as luzes artificiais emitidas por lâmpadas ou computadores também têm efeito sobre a nossa pele. Ao contrário da luz do sol, a chamada “luz visível” promove ataques imperceptíveis no cotidiano, mas que trazem efeitos em longo prazo. Envelhecimento prematuro, manchas, rugas e afinamento da pele são alguns deles.

O MINESOL® Antioxidant, além de proteger contra os raios do sol e a luz visível, aquela das lâmpadas e computadores, apresenta o Feverfew, um poderoso antioxidante que tem ação anti-idade, combatendo os radicais livres e ajudando a manter as células saudáveis. O produto pode ser usado por todos os tipos de pele, já que protege sem obstruir os poros, mas é especialmente indicado para as mais sensíveis, que queimam com facilidade e têm mais propensão às manchas.

O ideal é aplicar o equivalente a uma colher de chá na pele seca e reaplicar a cada duas horas se houver suor excessivo – o mesmo vale para os dias de praia e piscina. Na ordem de aplicação, o protetor solar vem depois do hidratante e antes da base.

Etiquetas

Artigos relacionados

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios