Livro brasileiro “Super” integra catálogo White Ravens da Biblioteca de Munique

Produzido pelo escritor e ilustrador brasileiro Jean Claude Alphen, o livro infantil “Super” (2017) passou a integrar o catálogo White Ravens, da Biblioteca Internacional da Juventude de Munique, na Alemanha. Fundada em 1949 pela autora e jornalista Jella Lepman, o espaço reúne os melhores livros do gênero infanto-juvenil mundial.

“Super” (2017) foi publicado no Brasil pela editora Pulo do Gato, que faz parte do Brazilian Publishers – projeto de internacionalização de conteúdo editorial brasileiro realizado por meio de uma parceria entre a Câmara Brasileira do Livro (CBL) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

A obra traz uma narrativa contada a partir do olhar de uma criança sobre a sua família. O personagem observa a rotina dos seus pais, que saem para trabalhar todos os dias. Em um certo momento, o cotidiano se transforma e a criança percebe que o pai começa a ficar mais em casa, deixou de usar a fantasia de super-herói e a mãe, que estava sempre presente, agora só trabalha. Com isso, o filho começa a refletir sobre a humanidade dos pais.

Em 2017, Jean foi indicado ao Prêmio Jabuti nas categorias Melhor Livro Infantil e Melhor Ilustração e venceu a premiação na categoria Melhor Ilustração com a publicação de “Adélia”. Ao todo, o autor tem mais de 70 livros publicados.