DestaquePorto Alegre

CDL Porto Alegre institui Comitê de Crise

Para propor ações que auxiliem o varejo a transpor os efeitos da disseminação do coronavírus, a CDL Porto Alegre instituiu um Comitê de Crise, durante reunião com membros da diretoria e representantes de instituições do segmento. Dentre as providências em execução, o Comitê elaborou um guia de boas práticas com a análise das medidas governamentais de enfrentamento ao coronavírus e dicas práticas para os lojistas.

Segundo avaliação econômica dos especialistas que compõem o Comitê, haverá um choque negativo sobre a renda disponível, sobretudo a dos mais vulneráveis, como os idosos, e as dificuldades de caixa das empresas. Como medida atenuantes, não só os consumidores e empresas inadimplentes contarão com a prorrogação de dívidas por 60 dias, como também aqueles com boa capacidade de pagamento poderão ter vantagens para renegociar condições operações de crédito já vigentes. Além disso, haverá aumento do limite de recursos para a tomada de empréstimos. Da mesma forma, o Governo Federal apresentou a liberação de valores que somam R$ 147,3 bilhões para a manutenção de empregos, consumo e saúde pública. As dicas práticas então sugeridas aos empresários, diante desse cenário, envolvem prioritariamente a preservação de caixa. São elas:

  • Negociar muito – sem caixa, a empresa não sobrevive. O lucro deve ficar em segundo plano, neste momento. Como não há certeza sobre a extensão do surto da doença, é necessário ser radical na administração de caixa. Se houver necessidade de crédito, é preciso agir rápido e solicitá-lo o quanto antes;
  • Liberação para teletrabalho – avaliar a possibilidade de concessão de home office para os colaboradores;
  • Ventilação dos ambientes – caso o home office não seja possível, prezar pelo arejamento dos locais de trabalho;
  • Concessão de férias coletivas — assim é possível conter parte das despesas fixas e variáveis relacionadas à operação;
  • Reduzir custos – avaliar todas as despesas por ordem de relevância e eliminá-las;
  • Potencializar o e-commerce e o delivery como estratégias de venda – diante das restrições ao livre trânsito e do receio de contaminação, cada vez mais as pessoas permanecerão em casa, e isso pode ajudar na composição das receitas.

O Comitê de Crise da CDL POA também está atuando pela desoneração de empresários para manter pagamento de funcionários e fornecedores – no que tange as tributações estadual e federal -, flexibilização de aluguéis, intermediação com autoridades públicas, municiar empresários da capital e do interior do Estado com informações e sugestões de ações para os negócios durante a crise social e econômica decorrente do Coronavírus.

Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar