Publicidade
Novo Hamburgo

Serviços online do Procon para não sair de casa em NH

Diante da pandemia do coronavírus e das orientações e determinações do decreto 9155/2020 assinado ontem pela prefeita Fátima Daudt, o cidadão deve evitar ao máximo sair de casa e efetuar serviços online que estejam à disposição. Visitas ao Procon pode ser um exemplo, há casos em que o cidadão pode fazer sua consulta online antes de se dirigir pessoalmente ao órgão ao utilizar o portal https://www.consumidor.gov.br/pages/principal/empresas-participantes. “Ali é possível conferir as empresas participantes e iniciar o atendimento”, diz a subprocuradora do Procon NH, Cláudia Schenkel.

Ela ressalta que são mais de 420 empresas credenciadas para atender o consumidor na plataforma criada pelo governo federal para mediação de conflitos entre empresas e consumidores. O serviço é gratuito e facilita a resolução de problemas sem burocracia e de forma totalmente on line. “O Procon NH é o Órgão de Monitoramento”, completa Cláudia.

Como funciona

– O consumidor deve fazer um cadastro no site e verificar se a empresa com a qual deseja negociar está registrada no sistema.

– Em seguida, submete a reclamação e aguarda a manifestação da companhia, que tem até dez dias para responder a queixa.

– Após a resposta, o usuário deve avaliar o posicionamento emitido e classificar a situação como resolvida ou não resolvida. O prazo para a manifestação do consumidor é de até 20 dias.

– Durante esse período, há também a possibilidade de negociar com o fornecedor para chegar a um acordo satisfatório. A partir do botão “Interagir com o Fornecedor”, que fica ao final da página, o cliente tem a chance de anexar documentos e complementar a reclamação com outros dados, se necessário.

– Para avaliar a resposta, basta clicar em “Avaliar Resposta do Fornecedor”. Vale ressaltar que o consumidor tem apenas uma chance de fazer a avaliação, que encerra o caso no sistema e impede quaisquer outras interações com a empresa. Além disso, se o usuário deixar passar o prazo de 20 dias, a reclamação será encerrada automaticamente.

“O site consumidor.gov.br é confiável por se tratar de uma ferramenta da Secretaria Nacional do Consumidor, vinculado ao Ministério da Justiça do Governo Federal. Os usuários podem submeter seus dados e documentos pessoais sem preocupações quanto à segurança, já que o site é monitorado pelos Procons, além dos Ministérios Públicos, Defensorias Públicas e outros órgãos relacionados”, assegura Cláudia.

Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar