Rio Grande do Sul

Rio Caí passa dos sete metros e Defesa Civil de São Sebastião do Caí está em alerta

A Defesa Civil Municipal de São Sebastião do Caí já trabalha com a possibilidade do Rio Caí chegar a 11 metros ainda nesta terça-feira, saindo de seu leito normal e invadindo as ruas ribeirinhas do bairro Navegantes. Com isso, passa a ser real a possibilidade de que remoções tenham de ser feitas principalmente amanhã, quarta-feira, dia 1º. Às 13 horas de hoje as águas marcavam 7,60 metros e subiam 60 centímetros por hora.

Publicidade

De acordo com o coordenador da Defesa Civil caiense, Pedro Griebler, o órgão está em alerta e monitora o clima e o Rio Caí. Ele afirma que choveu 88 milímetros no Município desde a noite de ontem, segunda-feira. “Estou neste momento (começo da tarde dessa terça-feira) na cidade de Feliz avaliando o comportamento do rio e, como aqui ele está subindo rápido e com correnteza forte, a tendência é que o mesmo siga ocorrendo no Caí nas próximas horas. A previsão dos órgãos competentes é de que o nível chegue aos 11 metros”, destaca ele.

Griebler ressalta que a suba é constante desde e noite passada. “Os dados mostram que ontem, às 20 horas, o rio estava com 1,70 metro. Já hoje, às 7 horas, estava com 2,70 metros e às 8 horas 3,30 metros, subindo de maneira constante uma média de 60 centímetros por hora até passar dos sete metros no começo da tarde desta terça-feira”, informa o coordenador.

O grande volume de chuva sobre o Estado é resultado de uma “ciclogênese”, ou um “ciclone bomba”, que trouxe também queda de granizo em algumas regiões e rajadas de vento que podem variar de 80 a 100 quilômetros por hora no leste gaúcho, onde fica a Região Metropolitana de Porto Alegre.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar

Seu navegador está bloqueando os anúncios deste site.

Todo o conteúdo deste portal é 100% gratuito. Os anúncios que exibimos é a forma de manter este veículo de informação independente e comprometido somente com você leitor.