Publicidade
DestaqueSaúde

Altas temperaturas de verão elevam a proliferação de pulgas e carrapatos

Se não combatidos, parasitas - que também acometem seres humanos - provocam problemas intestinais, hematológicos, neurológicos e até a morte

O verão está aí e com a estação aumenta a proliferação de pulgas, carrapatos e outros parasitas que incomodam não só cães e gatos, mas também calopsitas, coelhos, porquinhos da índia, cavalos, ovelhas, cabras, galinhas e outras espécies definidas como domésticas e de companhia. E você sabia que, se não cuidados, os animais podem adquirir verminoses intestinais, dermatite alérgica e doenças hematológicas que causam disfunções orgânicas como anemia, queda de plaquetas, vasculites, lesões renais, alterações medulares, neurológicas – como convulsões – e outras complicações? A infestação dessas pragas não é brincadeira e pode evoluir inclusive para a possibilidade de óbito em casos mais graves se não tratados a tempo.

O alerta é da veterinária especializada em dermatologia Fabiana Vitale, do Hospital Veterinário Taquaral de Campinas, que ainda chama a atenção para a possibilidade de pulgas e carrapatos picarem também os seres humanos e transmitirem doenças, como a Doença de Lyme – que recentemente acometeu o cantor e ídolo teen Justin Bieber -, e a Febre Maculosa, provocando sérios problemas de saúde pública.

Publicidade

“Prevenção é obtida com aplicação de produtos de forma regular e não apenas quando a infestação toma conta”

Segundo Fabiana, os parasitas intestinais transmitidos por pulgas, como o Dipylidium caninum, também são transmitidos para os seres humanos; “Trata-se de uma zoonose, que são doenças transmissíveis de animais para os seres humanos. E muitas vezes as pessoas desconhecem essas informações. Quando avisadas no consultório veterinário, passam a dar mais importância à prevenção dos ectoparasitas”, destaca.

Dra. Fabiana Vitale, especializada em dermatologia veterinária – Fotos: Matheus Campos

A veterinária ressalta ainda que outros ectoparasitas (parasitas que podem habitar a parte externa do corpo de um animal), como ácaros -causadores de sarnas -, larvas de miíase, larvas de bernes e piolhos também entram na lista de pragas comuns a serem tratadas.

Como identificar

Fabiana orienta que os carrapatos, pulgas, piolhos e as larvas de miíase podem ser visualizados a olho nu na inspeção da pele e pelos dos animais. Porém, os ácaros causadores de enfermidade cutânea, precisam ser visualizados em amostras de material cutâneo ou cerúmen ao microscópio.

Como tratar

De acordo com a veterinária, o tratamento deve ser feito através da administração de comprimidos, aplicação de talcos, sprays e pipetas, prescritos por profissionais médicos veterinários. “Não se pode esquecer que é importante garantir a desinfecção do ambiente no caso de infestação por pulgas e carrapatos. “No caso de pulgas, por exemplo, apenas 5% delas, na forma adulta, parasitam o corpo do animal. Os estágios de desenvolvimento da pulga nas fases de ovo, larva, pupa e ninfa estão apenas no ambiente, se alimentando de descamações da pele dos animais. Então, não cuidar da limpeza do ambiente representa novamente infestação do animal a curto prazo”, frisa.

Como prevenir

A indicação de Fabiana é evitar infestação por pulgas e carrapatos utilizando regularmente comprimidos, coleiras e pipetas específicas para cães e gatos, respeitando o tempo de ação de cada produto, e reaplicar conforme a orientação da bula, e não só medicar quando a infestação já está dominando.

“É o que chamamos de cuidado profilático. A maioria dos tutores tem por hábito acreditar que os produtos veterinários têm apenas a função de tratar uma infestação por carrapatos e pulgas e aplicam somente quando este mal transparece, mas aí o animal já pode estar infectado por ectoparasitas, adquirido verminose, etc”, esclarece.

Sobre o Hospital Veterinário Taquaral
Com funcionamento ininterrupto 24 horas, o Hospital Veterinário Taquaral oferece centro cirúrgico, UTI, pronto-socorro, internação com acompanhamento e monitoramento de veterinário e enfermeiros, um centro de diagnóstico com exames laboratoriais e de imagem e um corpo clínico especializado que atende consultas para todos os animais, inclusive aves, felinos, répteis e primatas. No complexo ainda há petshop para estética animal e loja.

Serviço
Hospital Veterinário Taquaral
Endereço: Av. Barão de Itapura, 2.968, Taquaral – Campinas SP
Horário de funcionamento: 24 horas
Telefone: (19) 3255-3899
Site: hospitaltaquaral.com.br

Publicidade
Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo