Publicidade
São LeopoldoVale do Sinos

São Leopoldo faz feira e 17 animais são adotados

Com 320 animais, canil municipal está impossibilitado de recolher outros

O espaço de adoção promovido pela Secretaria de Proteção Animal de São Leopoldo no final de semana foi um sucesso. Dos 20 animais disponíveis para adoção, 17 ganharam a chance de uma nova vida. A feira ocorreu no sábado (16), em parceira com a Central Animal PET.

Um cão especial, tutelado pelo Canil Municipal, teve a sorte de escolher a sua família. A professora Marília Schmidt Chaves, que desde maio do ano passado estava à procura de um pet para seu filho Miguel, se deparou com a imagem de dois cães nas redes sociais, ambos de três patinhas, que estariam disponíveis para adoção na feira promovida pela Sempa.

Publicidade

“O Floki (antes Cebolinha) e o Marchal me chamaram atenção por serem especiais e adultos, visto que os filhotes conseguem lar com mais facilidade. Fomos bem cedinho para conseguir encontrá-los, na verdade íamos escolher um dos dois, mas foi o Floki que nos escolheu”, contou a professora.

A Sempa está enfrentando uma situação de muitos abandonos de cães na cidade. Em decorrência da superlotação, com cerca de 320 tutelados, o canil municipal está impossibilitado de recolher animais. Três cães castrados, de porte P e pelo curto, além de um gatinho, não tiveram a mesma sorte no espaço de adoção e voltaram para o Canil.

Além da feira, a visitação ao Canil Municipal de São Leopoldo é outra forma que a Sempa dispõe para reduzir a lotação de animais. O contato para agendamento é 3592 9981. Para adotar é preciso ser maior de 18 anos, apresentar carteira de identidade e comprovante de residência.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo