Vale do Sinos

Sapiranga incentiva a adoção responsável de cães do CCZ

Abril é o mês em que, mundialmente, se combate a crueldade contra os animais. O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) de Sapiranga realiza um trabalho fundamental de acolhimento a cães abandonados e vítimas de maus tratos. Todos eles são castrados e recebem o tratamento veterinário necessário. O trabalho ocorre com o objetivo de encontrar uma família para adotar cada um dos habitantes do CCZ.

São, hoje, 43 cães disponíveis para adoção, entre machos e fêmeas, adultos e filhotes, de vários tamanhos. Interessados em adotar um cachorro podem entrar em contato com a Secretaria Municipal de Saúde pelo telefone 3959-1024, das 7 horas às 18h30, e agendar uma visita. A adoção ocorre mediante assinatura de termo de posse e o adotante passa a ser o responsável pelo animal. Assim, qualquer situação de maus tratos ou abandono, o tutor poderá responder criminalmente.

Publicidade

Calendário de castrações por bairros foi definido e inicia pelo São Jacó

Após suspensão do calendário de castrações devido às restrições impostas pela Covid-19, a Secretaria de Saúde definiu novo calendário de castrações por bairros para famílias de baixa renda já cadastradas nas Unidades Básicas de Saúde. Por enquanto, serão chamados apenas aqueles cães já cadastrados.

O cronograma inicia na segunda-feira (19), e atenderá um bairro por mês, iniciando pelo São Jacó. As castrações dos cães cadastrados ocorrerão toda segunda, terça e quarta-feira. Em maio será a vez do bairro Amaral Ribeiro, junho (Oeste), julho (Vila Irma), agosto (Centenário), setembro (Santa Fé) e outubro (São Luiz). Já as quintas e sextas-feiras serão reservadas para a castração de cães comunitários.

Publicidade

Dúvidas podem ser esclarecidas através do telefone 3959-1024, de segunda a sexta-feira, das 7 horas às 18h30.

Mais conforto aos animais com as obras de reforma do CCZ finalizadas

Foram finalizadas as obras de ampliação e melhorias no CCZ, garantido maior comodidade aos animais e mais espaço aos profissionais que atuam no local. Com investimento de R$ 264.630,10 de recurso livre do Município, a reforma ampliou o espaço de 127,15 para 337,5 m² e reorganizou a disposição interna dos espaços, com área específica para os procedimentos clínicos e cirúrgicos, assim como a individualização dos espaços de depósito, copa e atendimento aos visitantes.

Com 10 novas unidades, agora o CCZ conta com 16 baias individuais para abrigar cães em atendimento clínico. A rede de esgoto foi reconstruída, garantindo o tratamento do efluente em dois conjuntos novos de fossa e filtro. Parte do pátio foi pavimentada e bebedouros automáticos para os cães foram instalados.

Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo