Pelotas

Pelotas amplia cronograma de vacinação para pessoas com comorbidades

A Prefeitura de Pelotas ampliou o cronograma de aplicações da 1ª dose para o grupo de pessoas com comorbidades, conforme prevê o Plano Estadual de Vacinação contra a Covid-19. Além dos drive-thrus já marcados para quinta-feira (6) e sexta-feira (7), a imunização deve ocorrer em novos drive-thrus e, também, nas sete escolas municipais localizadas nos bairros. O calendário nas instituições de ensino prevê a 1ª dose contra o coronavírus do dia 11 ao dia 14 deste mês.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), serão disponibilizadas, a cada drive-thru, duas mil doses do imunizante, além de mil doses, que serão divididas, diariamente, entre as sete escolas onde têm sido a aplicação da prevenção. O atendimento, assim como foi realizado com os grupos anteriores, será por ordem de chegada, mediante distribuição de fichas, tanto nos drive-thrus quanto nas escolas.

Cronograma no drive-thru

Quinta-feira (6) – pessoas com Deficiência Permanente, cadastradas no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC), de 59 a 54 anos, e pessoas de 18 a 59 anos com doença renal crônica em hemodiálise
Sexta-feira (7) – gestantes e puérperas, com até 45 dias do parto, com as comorbidades definidas e idade a partir dos 18 anos, além das pessoas com Síndrome de Down de 18 a 59 anos
Segunda-feira (10) – pessoas com comorbidades de 59 e 58 anos
Terça-feira (11) – pessoas com comorbidades de 57 e 56 anos
Quarta-feira (12) – pessoas com comorbidades de 55 e 54 anos

A imunização em drive-thru é realizada no Centro de Eventos da Fenadoce, com entrada pela avenida Pinheiro Machado, sempre das 9h às 17h.

Cronograma nas escolas

Terça-feira (11) – pessoas com Deficiência Permanente, cadastradas no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC), de 59 a 54 anos, pessoas de 18 a 59 anos com doença renal crônica em hemodiálise, gestantes e puérperas (com até 45 dias do parto) com as comorbidades definidas e idade a partir dos 18 anos, além das pessoas com Síndrome de Down de 18 a 59 anos
Quarta-feira (12) – pessoas com comorbidades de 59 e 58 anos
Quinta-feira (13) – pessoas com comorbidades de 57 e 56 anos
Sexta-feira (14) – pessoas com comorbidades de 55 e 54 anos

Nas escolas a imunização ocorre das 10h às 15h.

O que é preciso apresentar para ser vacinado

O atestado relacionado à comorbidade é obrigatório e deve ser apresentado juntamente com os seguintes documentos:

* documento de identidade com foto,

* comprovante de residência e CPF ou Cartão SUS,

* além dos documentos específicos de acordo com o grupo ao qual pertencem.

Os pacientes com Deficiência Permanente, cadastrados no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC), não precisarão apresentar o atestado, apenas o comprovante do benefício através do extrato bancário ou lotérico ou, ainda, acessando o comprovante no site do INSS. A SMS esclarece que pessoas desse público, que não recebem BPC, não fazem parte do grupo prioritário para a vacina neste momento.

Pacientes com doença renal crônica, que realizam hemodiálise, e os oncológicos, em tratamento de radioterapia e quimioterapia, podem solicitar os atestados nos serviços onde realizam os procedimentos.
Atestado e imunização juntos

Pessoas com HIV e Aids, em tratamento no Serviço de Assistência Especializada (SAE), localizado à rua Almirante Guilhobel, 221, poderão obter seus atestados e, ainda, ser imunizadas nos dias de 11 e 12, das 9 às 17h, no local.
Como conseguir o atestado

O documento que irá comprovar a comorbidade pode ser obtido na rede pública de saúde, assim como nos serviços privados. O atestado deve ser emitido pelo profissional que realiza o acompanhamento de saúde do paciente. Nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs), a emissão está sendo realizada desde a terça-feira (4) e se estende até sexta-feira (7), observando a faixa etária dos pacientes com comorbidades.

A retirada do documento nas UBSs deve ser sempre no turno da tarde, das 13 às 17h, já que, pela manhã, está mantido o atendimento de casos suspeitos de síndromes gripais.

O modelo padrão do atestado, confeccionado pela Prefeitura, está disponível no site oficial do Município, no hotsite do coronavírus, para ser impresso.

Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo