CASANEWSSanta Catarina

Startup focada na automação para construção civil cresce 244% em 2021

O ano da startup FastBuilt foi de expansão e consolidação no mercado de inovação para o setor, que foi um dos poucos que cresceu durante a pandemia

Atuando em um dos segmentos que cresceu mesmo na pandemia – 3,9% em 2021 – a FastBuilt, construtech com plataforma para gestão do pós obra, comemora os resultados do ano. Já são 31 construtoras utilizando a solução e a meta da FastBuilt é robusta: pretendem chegar a um milhão de lares em 2023.

Publicidade

O foco do app desenvolvido pela startup é no fortalecimento do relacionamento entre construtoras e clientes. O consumidor tem acesso ao Manual do Proprietário Digital, que inclui fotos e vídeos com instruções precisas sobre cada imóvel e pode ser acessado através do smartphone, por meio da leitura de um QR Code, também pelo app o cliente faz as solicitações de assistência técnica para a construtora.

Adriana Bombassaro, COO da FastBuilt; Jean Ferrari, CEO da FastBuilt – Fotos: Daniel Zimmermann

Ganhando espaço no ecossistema de inovação catarinense, a empresa, com sede em Blumenau (SC), foi selecionada para a edição de 2021 do Startup SC, programa de aceleração do Sebrae/SC. O projeto traz uma série de capacitações e mentorias gratuitas que ajudam o negócio a ganhar força no mercado e aumentar a competitividade, se estruturar e se fortalecer em seu segmento. Além disso, a FastBuilt recebeu um capital semente de R$ 50 mil através da vertical Acelera Startup SC, oferecido em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc). “Com a aceleração pudemos facilitar o caminho e chegar um pouco mais perto da nossa meta, fomentar bons relacionamentos com o mercado de inovação e estruturar todas as áreas do negócio com o apoio de grandes mentores”, destaca Jean Ferrari, CEO da FastBuilt.

Pensando em estimular ainda mais o estreitamento no relacionamento com o cliente, a startup lançou em maio uma funcionalidade alinhada com a transformação digital para garantir mais autonomia ao consumidor. É a NIA, assistente virtual que surgiu como uma aposta para a redução do trabalho operacional e volume de atendimentos na construtora, tornando o fluxo de solicitações do cliente mais transparente e ágil. “A NIA engloba, por exemplo, dicas de como manter o imóvel, que tipo de materiais são mais indicados para manutenções, além de já trazer a resposta para diversas dúvidas do morador, diminuindo a necessidade de que ele entre em contato com a construtora”, explica o engenheiro.

Parcerias para fomentar e fortalecer o setor

A FastBuilt fechou parcerias significativas em 2021. Uma delas foi com a Beemob, hub tecnológico que centraliza diferentes serviços em sua plataforma, ligados ao mercado imobiliário. Com a colaboração entre as empresas, clientes têm acesso facilitado a soluções de ambas.

Para viabilizar aos clientes automação e gestão baseada em dados, a parceria com a Senior Mega, uma das maiores desenvolvedoras de ERP do país, foi anunciada em outubro deste ano. Com o movimento, ambas as soluções passaram a ter integração nativa e os clientes contam com uma trajetória de gestão alinhada à transformação digital na gestão de assistência técnica e no fornecimento de informações para os proprietários dos imóveis. O ERP Senior Mega é utilizado por 25% das construtoras brasileiras e é considerado uma das principais soluções de gestão do país para o segmento. “Para oferecer sempre os melhores serviços e resultados, é preciso buscar evolução ao longo do caminho. É por causa do alinhamento de valores e busca por respostas que firmamos essa parceria com a Senior Mega, sempre pensando em descomplicar a construção civil para construtoras, engenheiros e moradores”, afirma Adriana Bombassaro, diretora de operações da FastBuilt.

FastBuilt Experience 2021

A construtech realizou ainda uma nova edição de um dos maiores eventos sobre inovação e tecnologia para a construção civil: o FastBuilt Experience, que aconteceu em modelo híbrido, com palestras de profissionais de renome do setor presenciais em Blumenau (SC). O evento também pôde ser acompanhado de forma online e gratuita pela Internet. “O nosso foco sempre foi fortalecer o ecossistema de inovação na construção civil e apresentar as tendências do setor através de uma experiência única. Queremos criar uma comunidade colaborativa e poderosa entre os profissionais, compartilhando conhecimento e experiências e promovendo networking com principais nomes em inovação e tecnologia”, afirma Jean.

Planos para 2022

Atualmente a FastBuilt conta com 31 clientes e mais de 7200 lares usando a plataforma. A equipe deve crescer em pouco tempo, e os sócios Jean e Adriana Bombassaro contam com a ajuda de mais 06 funcionários e há 06 vagas em aberto, para áreas como marketing, suporte, implantação e desenvolvimento. “Estamos, aos poucos, fazendo história no setor de construção civil. Queremos expandir nossos serviços e equipe, pensando sempre em fomentar a tecnologia e a inovação para o setor”, conclui Ferrari.

Sobre a FastBuilt

Com uma plataforma para trazer agilidade, rapidez, eficiência e transparência para o relacionamento das construtoras e incorporadoras com seus clientes, a FastBuilt foi fundada em 2018. A solução permite a gestão de manuais dos proprietários, facilitando o acesso do cliente às informações sobre o seu imóvel. Além disso, o consumidor pode acessar fotos, projetos, fornecedores, garantias, e solicitar assistência técnica do seu imóvel de qualquer dispositivo móvel, tendo em mãos uma ferramenta única para o atendimento rápido e eficiente.

Posts relacionados

Botão Voltar ao topo