BrasilNegócios

PIX já é utilizado por 9 em cada 10 empresas brasileiras

Pesquisa da FGV avalia o impacto da pandemia de Covid-19 nos pequenos negócios

De acordo com a pesquisa da FGV Projetos, coordenada pelo gerente executivo, Luiz Gustavo Barbosa, em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), 86% das empresas estão operando, sendo 31% da mesma forma que antes da pandemia de COVID-19.

O destaque se deu pelo aumento de 86% na utilização do PIX, que já é utilizado por 9 em cada 10 empresas em suas vendas.

O PIX é um meio de pagamento instantâneo criado pelo Banco Central que realiza e recebe transferências em menos de dez segundos, durante 24 horas e sete dias por semana de forma gratuita. Em agosto de 2021, seu o uso já era de 77%.

A ampliação de sua utilização foi observada em praticamente todos os segmentos. Outra pesquisa da FGV, de fevereiro de 2021, já apontava que o novo método de pagamento tinha aceitação de 94%.

Os serviços que demandam mais contato físico lideram o grupo funcionando com mudanças por causa da crise. É o caso das academias e atividades físicas (73%), economia criativa (65%), turismo (65%), educação e beleza com (64%).

A proporção de empresas com queda no faturamento reduziu ao menor patamar da série histórica. Hoje o que mais dificulta as empresas voltarem a situação financeira que tinham antes da pandemia é o aumento de custos na área de insumos / mercadoria, combustíveis, aluguel e energia.

Houve um aumento significativo na proporção de empresas que vendem utilizando ferramentas digitais, como o caso das redes sociais, aplicativos ou internet. Dentre essas ferramentas, a que obteve maior êxito foi o WhatsApp for Business seguido pelas Propagandas pagas no Google.

Para ter acesso a pesquisa completa, clique aqui.

Posts relacionados

Botão Voltar ao topo