AgronegócioRio Grande do Sul

Elizabeth Cirne Lima é a nova gestora do Parque de Exposições Assis Brasil

Primeira mulher a ocupar o cargo tem extenso currículo e é vice-presidente da Associação Brasileira de Criadores de Devon e Bravon

A produtora rural Elizabeth Cirne Lima é a nova subsecretária do Parque Assis Brasil, em Esteio (RS), importante palco do agronegócio brasileiro e sede da Expointer. No anúncio, nesta segunda-feira, 25 de abril o governador Ranolfo Vieira Júnior destacou a qualidade técnica e a trajetória profissional de Elizabeth, a primeira mulher a ocupar o cargo. “É um grande nome para estar à frente do parque. O fato de ser mulher é também uma quebra de paradigma, tenho certeza que será uma grande gestão, liderada por alguém com vasto conhecimento da agropecuária, área tão importante e com tanta representatividade para o nosso Estado”, afirmou o governador.

Publicidade

“Estou muito feliz com a nova missão. Pertenço a um time de apaixonados pela Expointer e pelo parque, e já vivenciei a feira de várias maneiras. Tenho certeza de que formamos uma equipe que vai conseguir enfrentar todos os desafios”, declarou a nova administradora, após ter o nome anunciado no Palácio Piratini.

O currículo de Elizabeth é extenso e tem uma trajetória de destaque. Bióloga por formação, é mestre e doutora em bioquímica. Atualmente é professora na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), pesquisadora e coordenadora do Laboratório de Embriologia e Diferenciação Celular do Hospital de Clínicas de Porto Alegre e possui artigos científicos publicados.

Na pecuária, é uma apaixonada criadora da raça Devon e participa ativamente em várias frentes. Foi presidente da Associação Brasileira de Criadores de Devon e Bravon (ABCDB) por três mandatos e atualmente ocupa a vice-presidência. Juíza das Raças Devon e Bravon, foi a primeira mulher das Américas a julgar Devon na Royal Three Counties Show, na Inglaterra, terra de origem da raça, em 2016. Também é Diretora Técnica da Federação Brasileira das Associações de Criadores de Animais de Raça (Febrac).

Para a presidente da ABCDB, Simone Bianchini, Elizabeth Cirne Lima é um dos símbolos da força da mulher no agronegócio brasileiro. “Ela é um ícone e faz muito bem tudo a que se propõe, já temos esse exemplo há muitos anos na Associação, onde ela realiza um trabalho espetacular pela raça”, elogia.

A dirigente acredita que a liderança de Elizabeth, na subsecretaria do Parque Assis Brasil, só tem a agregar. “É um estímulo para que outras mulheres também se tornem mais participativas, aumentando a representatividade feminina no agro”, conclui Bianchini.

Via
Imprensa ABCDB
Fonte
Simone Müller

Posts relacionados

Botão Voltar ao topo