CanoasTecnologia & Inovação

Canoas apresenta sua vocação inovadora no South Summit

A vocação inovadora de Canoas vai ganhar uma vitrine global na próxima semana. A cidade marcará presença no South Summit, evento internacional que reúne em Porto Alegre, de 4 a 6 de maio, startups, empresas e investidores dedicados a fomentar os negócios do futuro. Sede do terceiro maior parque tecnológico do Brasil em área – o Parque Canoas de Inovação (PCI), a cidade tem muito a oferecer em termos de infraestrutura, ambiente empreendedor e incentivos. “Nossa presença no South Summit acontece em um momento muito propício, de amadurecimento de ideias e evolução de projetos. Nestes três dias, queremos fazer muitos contatos para a atração de novas parcerias e investimentos”, destaca o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Inovação, Daurinei Alt.

Publicidade

O Município vai ocupar um estande em parceria com seu ecossistema de inovação, que inclui as três empresas atualmente instaladas no PCI – Exatron, Novus e FKS – e o Instituto Empresarial de Incubação e Inovação Tecnológica (IEITEC). Entre os fatores que devem ganhar destaque, e que têm colocado a cidade no radar de muitos investidores, estão sua localização geográfica privilegiada, transparência administrativa, orientação personalizada àqueles que buscam a cidade para instalar suas empresas, agilidade e redução de burocracias.

Para a secretária do Escritório de Projetos, Joceane Gasparetto, o PCI será um dos maiores atrativos para os cerca de 15 mil empreendedores e investidores esperados na feira. O parque tem estrutura e potencial para receber pelo menos uma centena de empresas e concentrar 30 mil empregos. “Estamos trabalhando intensamente na abertura de novas áreas no parque, para a instalação de mais empreendimentos. Este é um evento muito importante para mostrarmos todo o nosso potencial”, ressalta Joceane.

“O objetivo da Prefeitura é dotar o município do melhor ambiente para empreender. Como um dos resultados desse empenho, em março deste ano Canoas ingressou no Índice de Cidades Empreendedoras (ICE), ocupando o 45º lugar no ranking que avaliou 101 municípios brasileiros”, lembra o secretário Alt. Realizado pela Escola Nacional de Administração Pública (ENAP), em parceria com a Endeavor, o estudo é um importante indicador sobre a competitividade, as oportunidades e o desenvolvimento dos municípios, com base em sete fatores: ambiente regulatório, infraestrutura, mercado, capital financeiro, inovação, capital humano e cultura empreendedora.

O destaque no ranking é reflexo dos avanços em 2021, quando a cidade registrou a abertura de 9.557 empresas e mais de R$ 800 milhões em investimentos. Entre as novidades para 2022 pode-se destacar a negociação com 10 empresas multinacionais interessadas em se instalar no PCI e outras novidades que começam a ganhar corpo, e que têm impacto direto no ambiente de negócios, como o lançamento da terceira etapa do PCI, o projeto para construção da sede da governança do PCI “Eu Tenho uma Ideia” e a abertura de licitação para início das obras do Parque Municipal da Fazenda Guajuviras.

“Eu Tenho uma Ideia”

A construção de um prédio de 1,8 mil metros quadrados e cinco andares é parte do marco referencial do PCI e acomodará, além da sua administração geral, os ambientes, a infraestrutura e os serviços necessários à promoção do empreendedorismo e inovação. Para concretizar o projeto, o Município está buscando recursos de R$ 10 milhões a fundo perdido, junto ao Finep.

Batizado de “Eu Tenho uma Ideia”, o espaço prevê galeria de acesso, recepção, auditório, salas de reuniões e atendimento, coworking, incubadora de empresas, laboratórios de criação e inovação, espaço para eventos e exposições. Todos os ambientes estarão abertos para empreendedores, startups e empresas estabelecidas no parque, permitindo a troca de ideias, o compartilhamento de conhecimento e o surgimento de projetos inovadores.

Saiba mais

Sobre a cidade

  • População: 349.728 pessoas
  • 2º maior PIB per capita do Estado
  • 2ª maior arrecadação de ICMS do Estado
  • Polo de conhecimento, com quatro universidades (Unilasalle, Uniritter, Ulbra, IFRS)
  • 43.123 empresas ativas
  • 2.378 novas empresas abertas no primeiro trimestre de 2022

Sobre o PCI

O Parque Canoas de Inovação (PCI), ainda em implantação, integra o ecossistema de tecnologia e inovação da cidade e é parte fundamental da sua estratégia de desenvolvimento econômico. Hoje são três empresas instaladas na área e mais uma está a caminho, com investimentos de R$ 400 milhões. O PCI atua como indutor de ciência, tecnologia e soluções inovadoras para a sociedade, a indústria e a própria gestão pública.

Com área total aproximada de 508,45 hectares, sendo 259 hectares de área ambiental e 250 hectares de área empresarial, é o terceiro maior parque tecnológico do País. O PCI encontra-se em posição privilegiada no eixo dos principais ecossistemas de tecnologia e inovação da Região Metropolitana de Porto Alegre.

Áreas relevantes para a atuação do PCI

  • Tecnologia da Informação e da Comunicação (TIC)
  • Tecnologias em máquinas e equipamentos
  • Soluções de logística
  • Soluções em biotecnologia e economia verde
  • Soluções e tecnologias navais, embarcada e aviônica

Posts relacionados

Botão Voltar ao topo