NegóciosTecnologia & Inovação

Incorporadora de Goiânia usa reconhecimento facial para gerir acesso dos trabalhadores

Construção civil investe cada vez mais em tecnologia para reduzir custos e aumentar receita

Estudo levantado pela TNS Research aponta que as empresas que investem em tecnologia crescem aproximadamente 60% a mais em comparação com as empresas que descartam esse tipo de investimento, além do incremento na receita. Inteligência de Dados, Big Data e Mobilidade são serviços que se destacaram na pesquisa. A otimização dos processos, redução de custos e agilidade nas tarefas estão entre os benefícios para quem aposta na tecnologia.

Publicidade

De olho nesse futuro que já bate à porta, a Opus Incorporadora se tornou a primeira construtora em Goiânia a implementar acesso por reconhecimento facial para todos os colaboradores de suas obras e ainda um sistema virtual de gerenciamento de terceirizados.

“Entre as vantagens dessas novidades estão a agilidade no processo; uma maior sustentabilidade, visto que existe uma redução na utilização de papel; praticidade no gerenciamento dos colaboradores terceirizados, o que facilitou em atender todas as normas regulamentadoras e, ainda, estar de acordo com a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais)”, destaca a supervisora de segurança da Opus, Adriana Garcia da Silveira, cujo departamento foi o responsável por a ideia das inovações.

Para o reconhecimento facial, foram tiradas fotos de todos os colaboradores das obras. Os terceirizados recebem treinamento para acessar o sistema informatizado, no qual precisam inserir seus dados e, sempre que é preciso de uma atualização, o próprio sistema o alerta para os prazos. Houve um período de testes de todas as novidades e neste mês de julho elas passam a valer nos canteiros da construtora na capital.

Sobre a implantação das inovações, Adriana Garcia ressalta que “foi um divisor de águas”. “Valeu a pena demais! Proporciona agilidade. Antes os colaboradores precisavam assinar para entrar na obra, agora um tablet os reconhece. Ter todo esse sistema informatizado para a gestão facilitada dos colaboradores terceirizados também é fundamental. Por isso, é de suma importância ter a tecnologia na construção civil”, ressaltou. A Opus Incorporadora seguirá melhorando e integrando seus sistemas e, entre os próximos passos na área de tecnologia, fará a robotização de processos, chatbot e análises de dados big data.

Via
Raquel Pinho e equipe
Fonte
Comunicação Sem Fronteiras

Posts relacionados

Botão Voltar ao topo