GeralNegóciosNotíciasRio Grande do Sul

Diretor da CIC Caxias integra missão brasileira na Argentina

Representando a entidade, Mauro Bellini acompanhou encontro entre os presidentes brasileiro e argentino e empresários dos dois países

Atualmente na Diretoria Institucional da Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Caxias do Sul (CIC Caxias), Mauro Bellini, que ocupou o cargo de vice-presidente de Indústria na gestão passada, esteve em Buenos Aires, na Argentina, no início desta semana, quando integrou a comitiva brasileira, organizada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), da primeira visita internacional do presidente Luis Inácio Lula da Silva.

Publicidade

Mauro Bellini é também presidente brasileiro do Conselho Empresarial Brasil-Argentina e vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (Fiergs).

Na programação do encontro, a realização do seminário Diálogo Empresarial Bilateral, que contou com empresários da União Industrial Argentina e o grupo brasileiro, na sede da entidade empresarial argentina, e um encontro dos representantes do setor privado com os presidentes do Brasil e da Argentina, Luis Inácio Lula da Silva e Alberto Fernandez, no Museu Bicentenário da Casa Rosada.

Publicidade

Antes de participar do jantar de encerramento da missão, oferecido pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil), na noite de segunda-feira (23), Mauro Bellini fez uma avaliação da missão:

“Estamos acompanhando, representando a CIC Caxias na delegação, e realmente o clima é de otimismo entre os presidentes. Eles estão bem alinhados, e a ideia seria a possibilidade de revitalizar o Mercosul, uma vez que se viu com a pandemia, com a guerra na Ucrânia, que depender de cadeias de suprimentos de longe não funciona, ou pode apresentar muitos problemas.

Então, todos estão otimistas, tanto os empresários de um lado como do outro. Existem dificuldades nos dois países, principalmente na Argentina, mas a ideia é começar a trabalhar para superar essas dificuldades e conseguir aumentar o intercâmbio comercial entre Brasil–Rio Grande do Sul–Caxias e Argentina, lembrando sempre que o intercâmbio comercial entre Brasil e Argentina é de qualidade. A Argentina é o terceiro maior parceiro comercial do Brasil e, na maioria, de produtos com alto valor agregado. Então, o sentimento do empresariado é positivo.”

Para o presidente da CIC Caxias, Celestino Oscar Loro, a participação de Mauro Bellini na missão brasileira em Buenos Aires é de grande valia para a entidade e suas empresas associadas.

Botão Voltar ao topo