Rio Grande do Sul

Campo Bom recebe pontos de coleta de vidro para reciclagem

Instalação de 4 containers é parte do Programa Vidro Vira Vidro realizado pela Verallia

Campo Bom passa a contar com 4 Pontos de Entrega Voluntária (PEV) para coleta de vidro, que será destinado à reciclagem. Os containers estão espalhados por locais públicos e privados, em pontos estratégicos para o descarte.

Para o prefeito de Campo Bom, Luciano Orsi, a iniciativa é mais uma prova da responsabilidade social e ambiental da Verallia. “É uma empresa que se preocupa com o desenvolvimento sustentável da cidade e que, justamente por isso, tem crescido com os campo-bonenses”, observa. O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Henrique Scholz, destaca também o recente investimento da Verallia na expansão da fábrica de Campo Bom, 80 milhões de euros, o maior da história da cidade.

Publicidade

Além de Campo Bom, os containers estão sendo implementados em diversas outras cidades brasileiras e a meta é chegar a 1.500 pontos até 2025.

Programa Vidro Vira Vidro

Criado pela Verallia, o programa Vidro Vira Vidro tem expectativa de coletar 24 mil toneladas de caco por ano, que ajudará a reduzir as emissões CO2 no processo de fabricação de embalagens de vidro, consumo de energia e o uso de matéria-prima virgem.

Publicidade

Um dos diferenciais dos containers que são utilizados é que possuem tecnologia de sensor que permite otimização da logística, de forma que o caminhão se dirija ao PEV somente quando houver necessidade.

Endereços dos pontos de coleta:

CEMEA – R. Aimoré, 513 – H
PREFEITURA – Av. Independência 800
LARGO IRMÃOS WETTER – Rua Voluntários da Pátria – A
CEI – Av. dos Estados, 1080 – K

Investimentos na região

A Verallia anunciou, em 2021, um investimento de 80 milhões de euros para expansão de seus negócios no Brasil. O destino é a construção de um novo forno em Campo Bom, no Rio Grande do Sul, onde a empresa já possui uma planta.

Com a expansão da planta de Campo Bom, a expectativa é atender, preferencialmente, o mercado nacional de vinhos e spirits. A previsão é que o novo forno esteja em pleno funcionamento no quarto trimestre de 2023. A ampliação permitirá mais que dobrar a produção de embalagens de vidro diariamente apenas na nova instalação.

Botão Voltar ao topo