Cidades do RSGeral

RS é o estado do Sul com mais vagas para o Mais Médicos

Só em Porto Alegre são 67 postos

O Rio Grande do Sul é o estado da Região Sul com mais vagas reservadas pelo Edital nº 4 do Mais Médicos – são 552 vagas-, publicado nesta semana no Diário Oficial da União. Com isso, o estado gaúcho ocupa a terceira colocação no ranking nacional, liderado por São Paulo, com 1.043 vagas, e seguido pelo Pará, com 644 postos.

Publicidade

O edital prevê que os médicos enviados ao Rio Grande do Sul atuem em 216 municípios. Cada cidade deverá contar com no mínimo um médico do programa, mas dez delas receberão no mínimo o reforço de dez profissionais.

A capital Porto Alegre é a que tem mais vagas previstas, com 67 postos. Na sequência aparecem os municípios de Pelotas (20 vagas), Bagé (13), Alegrete e Uruguaiana (12), Alvorada, Caxias do Sul e Rio Grande (11) e Gravataí e Taquara (dez).

Publicidade

De acordo com o edital, oito estados têm previsão de receber mais de 300 vagas do programa. São eles: São Paulo (1.043), Pará (644), Rio Grande do Sul (552), Amazonas (478), Minas Gerais (402), Paraná (338), Ceará (330) e Bahia (303).

O documento prevê ainda a adesão ou renovação de municípios e do Distrito Federal no programa e reserva 6.252 vagas para serem preenchidas em 2.074 municípios, das 27 Unidades da Federação, para atuação pelo período de quatro anos, incluindo mil postos inéditos para a Amazônia Legal.

A prioridade no Mais Médicos é para profissionais formados no Brasil. Se sobrarem vagas, podem ser acionados brasileiros formados no exterior. Se ainda assim não forem preenchidos todos os postos, haverá espaço para médicos estrangeiros estabelecidos no Brasil e, por último, para médicos estrangeiros.

Botão Voltar ao topo