NegóciosRio Grande do Sul

Fecomércio-RS divulga pesquisa sobre os salões de beleza gaúchos

Sondagem aborda principais características do segmento, visando traçar um perfil dos estabelecimentos

A Fecomércio-RS divulgou a Sondagem do Segmento de Salões de Beleza de 2023. Realizada de 22 de agosto a 25 de agosto de 2023 com 385 estabelecimentos gaúchos, a pesquisa abordou os eixos tradicionais da sondagem, captando informações de perfil, financeiras, de gestão, além da avaliação das vendas atuais e das expectativas para os próximos meses.

Publicidade

Tempo de atividade

A sondagem apontou que 42,6% dos estabelecimentos do segmento têm, pelo menos, 10 anos de atividade. Nestes estabelecimentos, em 61,8% dos casos os negócios tinham no máximo 4 pessoas trabalhando. Via de regra, as empresas atuam em apenas 1 estabelecimento (97,1%). Apenas 2,9% relataram atuar em mais de 1 estabelecimento.

Serviços

Dentre os principais serviços ofertados pelos salões gaúchos, destaque para cabeleireiro (76,9%) e manicure e pedicure (60,5%). A pesquisa também investigou quais os dias de maior e menor movimento nos salões. Como esperado, sábado (40,8%) e sexta-feira (29,1%) são citados como os dias mais movimentados e segunda-feira (32,2%) e terça-feira (27,5%) são os de menor movimento. Nesses dias, contudo, a maior parte dos estabelecimentos indicam não haver ações específicas ou mudanças no funcionamento nos dias de maior (81,8%) e menor (68,3%) movimento.

Publicidade

Finanças

Com relação às questões financeiras dos negócios, 81% dos entrevistados indicam que as finanças do negócio não se misturam com a dos proprietários, enquanto para 15,8% há mistura e 3,1% não souberam afirmar. Quanto à situação financeira dos salões, 44,4% responderam que as receitas superam as despesas; 38,2% indicaram que há equilíbrio (receitas iguais às despesas); 7,3% estavam deficitários (receitas menores que despesas) e 10,1% não souberam avaliar. Para fazer a análise das finanças, 59% usam algum software, entre os demais que não usam (41%), a grande maioria refere que faz a gestão das finanças manualmente.

“Para que os Salões de Beleza possam gerar e potencializar resultados, principalmente nos pequenos negócios – que são a grande maioria dos Salões de Beleza – a gestão precisa estar presente. Entender sua estrutura de custo e o fluxo de suas receitas, bem como as estratégias que podem impulsionar suas vendas, são frentes que precisam de atenção dos negócios para que possa haver crescimento e expansão sustentável desses negócios.” comentou o presidente da Fecomércio-RS, Luiz Carlos Bohn.

Vendas

Na abordagem sobre a avaliação das vendas nos últimos 6 meses, 72,5% dos entrevistados classificaram ao menos como “bom”, a grande maioria relatou que as vendas atingiram ou superaram suas expectativas (75,6%). Dentre os empecilhos, o aspecto mais citado foi o baixo crescimento da economia brasileira (41,6%), seguido pelo alto custo de insumos e matérias-primas (27,8%) e a forte concorrência (25,5%). Em termos de expectativas, predomina o otimismo, com 82,8% acreditando na melhora das vendas nos próximos 6 meses e 56,1% respondendo que há intenções de investir nos próximos meses.

Botão Voltar ao topo