Brasil

SXSW: brasileiros movimentam Austin

Muito movimento em torno do Brasil ao longo destes primeiros dias do festival South by Southwest (SXSW), maior evento de economia criativa do mundo, que ocorre em Austin, de 9 a 16 de março. Ativações da campanha de promoção internacional do país, a Be Brasil, estão espalhadas pela cidade, chamando a atenção do imenso público do festival. Cerca de 1,3 mil brasileiros estão inscritos para assistir aos milhares de painéis, palestras, filmes e shows que compõem a programação do evento.

O Brasil se destaca no SXSW com a presença de 77 empresas que integram a delegação da Apex-Brasil e se apresentam no festival em diversas plataformas de negócios. O país também lidera debates, por meio de cerca de 15 palestras que estão sendo feitas por empresas e profissionais brasileiros.

Ontem (11/3), como parte da campanha Be Brasil, o renomado artista plástico e muralista brasileiro Eduardo Kobra, que tem mais de 500 obras nas ruas do Brasil e de 17 outros países, iniciou o trabalho de pintura de um mural na fachada da churrascaria Fogo de Chão. A obra representa a diversidade do povo brasileiro. Em uma das esquinas mais movimentadas de Austin, dezenas de pessoas pararam para ver, filmar e fotografar o artista em ação.

Mais cedo, também na Fogo de Chão, jornalistas estrangeiros e brasileiros se reuniram para conhecer melhor o Brasil e ouvir a apresentação de cinco empresas da delegação brasileira. A diretora de Negócios da Apex-Brasil, Márcia Nejaim, fez a abertura do evento. ¨Desde a sofisticada São Paulo, passando por cidades menores e menos conhecidas internacionalmente, como Recife, o Brasil está cheio de empresas e startups que oferecem produtos e serviços inovadores, com soluções para problemas nacionais e internacionais. É isso que viemos mostrar aqui no SXSW¨, comentou.

Foi ontem, ainda, a abertura do Trade Show, feira de negócios do festival. Lá, 15 empresas brasileiras estão expondo seus produtos e serviços, em busca de compradores, parceiros ou investidores. No sábado (10/3), elas apresentaram seus negócios a cerca de 60 estrangeiros, entre investidores, compradores e formadores de opinião. É também no Trade Show que acontecem reuniões de negócios para outras empresas da delegação, que participam da plataforma Platinum Connection.

O espaço brasileiro no Trade Show ficou ainda mais movimentado com o estúdio Be Brasil, espaço em que estão sendo gravadas conversas entre empresários e influenciadores estrangeiros e brasileiros, transmitidas nas redes sociais da Apex-Brasil (@apexbrasil) e da campanha Be Brasil (@bebrasilbr).

Jason Blum, produtor norte-americano indicado neste ano ao Oscar pelo filme Get Out (Corra) e em 2015 por Whiplash, e fundador da Blumhouse Productions, companhia pioneira em produção de filmes com micro-orçamentos, conversou ontem (11/3) no estúdio com profissionais do audiovisual brasileiro, tentando entender mais da cena nacional. Estiveram com ele as produtoras O2, Los Bragas e Duo2, além da Árvore, que produz narrativas imersivas usando Realidade Virtual (VR) e outras tecnologias. Na pauta das conversas, multiplataformas, projetos de VR, entre outros temas.

Também esteve no estúdio, Edney Souza, do blog Interney. DiretoraAcadêmico da Digital House Brasil e professor de Marketing Digital na ESPM, Edney reúne mais de 200 mil seguidores no LinkedIn, falando de questões relativas à inovação, startups e outros temas. Hoje ele conversou com as startups brasileiras Rocket Chat, Mass Labs, Hero Live, Beemedical e Movpak.

Tags

Artigos relacionados

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios