GeralSão Leopoldo

Residentes multiprofissionais iniciam os seus trabalhos na atenção básica

Uma parceria que beneficiará principalmente usuários do Sistema Único de Saúde(SUS). Esse será o resultado da colaboração entre a Prefeitura de São Leopoldo, por meio da Secretaria da Saúde, com a Unisinos, ao abrir espaço para cinco alunos residentes realizarem a parte prática dos seus estudos na rede municipal a partir de março. Para dar inicio aos trabalhos, ocorreu na tarde de quinta-feira, 1° de março, na própria Unisinos, o ato de abertura das atividades da Residência Multiprofissional em Atenção Básica. O curso é realizado pela Escola de Saúde da Universidade e da Unidade Acadêmica de Graduação (UAGRAD).

A partir de março, profissionais formados nas áreas de serviço social (1), fisioterapia (1), nutrição (1) e enfermagem (2), do curso de Especialização em Residência Multiprofissional em Atenção Básica da Universidade, atuarão em unidades básicas da cidade como parte da formação curricular. Para a vice-prefeita, Paulete Souto, representando o prefeito no ato, esse é o início de uma longa caminhada, mas muito importante. “Em um momento tão difícil que estamos passando na Saúde do Município, receber esses profissionais é uma vitória. Ainda mais no serviço público, que atende as camadas em vulnerabilidade social da nossa sociedade. Que vocês sejam bem acolhidos em nossa comunidade, pois nós precisamos de vocês”, destacou a vice-prefeita.

“Trata-se de um passo importante para a qualificação da nossa rede. Estamos ampliando a integração entre ensino e serviço”, ressalta o secretário da Saúde Ricardo Charão. Cada estudante receberá bolsa do Ministério da Educação e terá uma carga horária de 60 horas semanais, com dedicação exclusiva.

Charão também confirmou a vinda de dois médicos residentes, que atenderão nas UBSs Rio dos Sinos e Parque Mauá. Além deles, três profissionais graduados em Saúde Coletiva, nesse caso em parceria com a UFRGS, vão reforçar os setores de Gestão e Vigilância em Saúde.

Ao final do evento, uma apresentação foi feita por membros da Secretaria de Saúde(Semsad) de São Leopoldo, demonstrando dados da atenção básica, secundária e terciária, que estarão em breve em um portal. Nele, poderão ser encontradas em uma mapa da cidade as unidades de referência, informações sobre o cartão do SUS, serviços das unidades de urgência e emergência e interagir por meio da ouvidoria.

Informações da PMSL

Etiquetas
Publicidade

Artigos relacionados

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios