Negócios

Expodireto 2018: Sucesso em mais uma edição da feira

Com inovações tanto em áreas novas, quanto em temas nas parcelas já consolidadas, a Extensão Rural mostrou um pouco do trabalho que desenvolve em todo o Estado. A Expodireto Cotrijal iniciou na última segunda-feira (05/03) e encerra nesta sexta (09/03), com saldo positivo.

Oficinas de alimentação, piscicultura e plantas bioativas, dinâmicas, mostras, reuniões, lançamento de livro, fóruns e seminários, foram algumas das atividades que fizeram parte da programação durante os cinco dias de feira, no Espaço da Família Rural. Os visitantes que entraram pelo Portão 2, foram recepcionados na parcela do Turismo Rural, que montou um espaço todo especial, lembrando uma propriedade rural. “Um verdadeiro cartão postal, já na entrada do nosso Espaço”, disse o presidente da Emater/RS, Clair Kuhn.

Kuhn destaca que neste ano a Instituição evoluiu no quesito tecnologia. “A equipe deu um show na área técnica, mostrando a agricultura de precisão, uso racional de defensivos agrícolas, qualidade na semeadura, energia limpa entre outras tecnologias. Isso trouxe ainda mais público para nosso espaço”, avaliou o presidente, destacando o tema trabalhado nesta edição, “Extensão Rural: produção, renda e sustentabilidade”.

Clair Kuhn ainda citou as boas vendas do Pavilhão da Agricultura Familiar, reflexo, segundo ele, da qualidade extraordinária dos produtos. O Pavilhão reuniu 194 expositores, de mais de 100 municípios do Estado.

No Espaço da Família Rural, área da Emater/RS-Ascar dentro da feira, foram apresentadas 17 parcelas cuidadosamente preparadas, mostrando ações, alternativas e tecnologias para os agricultores nas áreas de bovinocultura de leite, florestas comerciais, gestão sustentável da agricultura familiar, horticultura, irrigação, meliponicultura e apicultura, tecnologia de aplicação, piscicultura, cooperativismo, plantas bioativas, cozinha didática, qualidade da semeadura, secagem e armazenagem de grãos, energia fotovoltaica, solos, turismo rural e o recanto temático. Em todas elas os agricultores puderam fazer contato direto com os técnicos, o que permitiu uma troca de conhecimentos e informações.

Grande público participou das oficinas da Cozinha Didática, no Horto de Plantas Bioatias e na parcela de Piscicultura. Outro ponto alto da semana foi o Café com Leite para a Imprensa, onde foi repassada a expectativa dos números da Safra 2017/2018. “Os números divulgados pela Emater foram amplamente utilizados pelos veículos de comunicação. São dados confiáveis, coletados pelos colegas dos municípios, em parceria com o Escritório Central. Isso traz um resultado muito positivo para nossa Instituição”, frisou o presidente.

Informações da Emater-RS

Posts relacionados

Botão Voltar ao topo