Destaque

Copa do Mundo: refugiados e famílias brasileiras torcerão juntos

O Projeto Meu Amigo Refugiado, iniciativa da ONG Migraflix, promoverá no próximo mês um encontro emocionante, movido pela paixão por futebol. Pessoas em condição de refúgio e famílias brasileiras assistirão juntas aos jogos da seleção brasileira durante a Copa do Mundo. Até 5 de junho, brasileiros podem se inscrever no site da iniciativa para receber sírios, colombianos, congoleses, venezuelanos e indivíduos de outras nacionalidades durante as partidas.

A participação é restrita a moradores da capital paulista e da Grande São Paulo. Além de engrossar a torcida pelo Brasil, o encontro entre brasileiros e refugiados busca fortalecer a integração local e promover diálogos culturais, para que brasileiros entendam a situação das pessoas refugiadas. Para elas, é também uma oportunidade de estabelecer novos vínculos sociais, por meio de ações de acolhimento que reduzem a xenofobia. Contando os inscritos em suas edições anteriores, o projeto Meu Amigo Refugiado já cadastrou mais de 3 mil famílias brasileiras interessadas em trocar experiências com pessoas refugiadas. Os encontros foram realizados para comemorar o Natal e também a Páscoa. “Foi muito legal participar nos dois últimos Natais do projeto. Eu acabei ficando amigo das famílias e até me convidaram para aniversários e pular o carnaval nos bloquinhos de rua”, conta o jornalista congolês Alphonse Nyembo, que deixou seu país de origem pela falta de liberdade de expressão. É brasileiro e quer participar da iniciativa? Acesse www.meuamigorefugiado.com.br. O Projeto Meu Amigo Refugiado e a ONG Migraflix têm o apoio da Agência das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR).

Etiquetas
Publicidade

Artigos relacionados

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios