DestaquePorto AlegreRio Grande do SulSaúde

Santa Casa comemora objetivos alcançados em 2018

Da aquisição inédita de um hospital fora do quarteirão no centro de Porto Alegre até o lançamento de um programa de inovação em saúde, instituição liderou ações empreendedoras em diferentes aspectos no ano que se encerra.

A Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre, no ano em que completou 215 anos de fundação, se manteve ativa na viabilização de novos projetos e na concretização de iniciativas inéditas, visando a sua sustentabilidade, modernização, inovação e crescimento. Com mais de seis milhões de procedimentos em saúde por ano, sendo mais de 60% deste volume direcionado a usuários do Sistema Único de Saúde – conforme a legislação da filantropia – manteve-se fiel a sua missão de origem, que é proporcionar ações de saúde a pessoas de todas as classes sociais. Sendo este, um dos desafios diários da Santa Casa, que precisa contar com recursos advindos do fruto do atendimento de pacientes de convênios e particulares e de atividades acessórias, para cobrir o déficit que os atendimentos ao SUS geram a cada ano. Somente no ano passado, esta conta ficou em R$ 145 milhões e, neste ano, já são mais de R$ 155 milhões de déficit. Apesar das dificuldades, a instituição irá cobrir este prejuízo através do fruto do seu próprio trabalho.

Centro Internacional de Arritmias – Instituto J. Brugada

Principais conquistas do ano

Sustentabilidade: alternativas para o desenvolvimento econômico
Uma das estratégias para minimizar o déficit que os atendimentos para pacientes usuários do SUS geram à instituição, a Santa Casa inaugurou importantes serviços neste ano. O Multicentros, localizado em um ambiente diferenciado de 590m², proporciona aos pacientes mais facilidade de acesso ao local direto do estacionamento, agendamento de consultas e procedimentos no local – além de central de autorizações própria -, possibilitando a realização de procedimentos ambulatoriais no mesmo dia da consulta. Ele é integrado por Centro de Odontologia – Cirurgia e Reabilitação Bucomaxilofacial, Centro de Medicina Cérvico Facial, Centro de Nódulos da Tireoide e Centro de Infusão.

Multicentros. – Foto: Rogério Brandão

Ainda neste sentido, a ocorrência cardiológica mais frequente na população – a arritmia – passou a contar com um centro pioneiro no país, internacional e exclusivo para o seu tratamento na Santa Casa. Localizado no Hospital São Francisco, o Centro Internacional de Arritmias – Instituto J. Brugada, dispõe de todos os tipos de diagnósticos, gerenciamento e tratamento de arritmias. A atuação internacional se dá devido ao contrato assinado com Josep Brugada, cardiologista espanhol que descobriu e dá nome à Síndrome de Brugada – uma arritmia hereditária que tem prevalência em homens jovens e pode causar morte súbita –, e que coloca o Instituto Brugada como parceiro no desenvolvimento das atividades médicas do Hospital São Francisco. Brugada passou a integrar o corpo clínico da instituição, e a cada três meses realiza procedimentos em pacientes da Santa Casa. A criação do espaço proporcionou, em menos de dois meses, aumento de 170% dos procedimentos de tratamento de arritmias do hospital.

Aquisição do Hospital Dom João Becker. – Foto: Rogério Brandão

Crescimento: ampliação da assistência
Com o objetivo de ampliar a sua assistência para a população da Região Metropolitana de Porto Alegre, a Santa Casa incorporou, em agosto, o Hospital Dom João Becker, de Gravataí. A unidade passou a integrar o patrimônio do complexo hospitalar, atendendo tanto usuários do SUS como de convênios e particulares. Com isso, a instituição amplia a assistência da região, com uma melhor estruturação nas áreas de especialidades médicas a serem disponibilizadas, além da perspectiva de desenvolvimento de ampliação da assistência a convênios e particulares. Sendo esta, uma forma de assegurar a adequação do custeio da organização, conjugando os valores hoje disponibilizados pelos municípios ao SUS a necessária complementariedade que as instituições fazem tendo em vista o déficit com o Sistema.

Centro de Inovação Santa Casa | UFCSPA. – Foto: Rogério Brandão

Inovação: novas soluções na área da saúde
Mantendo sua tradição de pioneirismo e prezando por manter um ambiente que favoreça a inovação, a Santa Casa passou a contar com o Centro de Inovação. O espaço, com mais de 500 m², é uma iniciativa em conjunto com a UFCSPA e pretende ser um local para geração de ideias e soluções na área da saúde. O espaço foi pensado para servir de referência física ao ecossistema de inovação em saúde do Rio Grande do Sul, bem como um portal de acesso ao quarteirão da saúde e todos os seus recursos para aqueles que querem inovar em saúde em colaboração com Santa Casa e UFCSPA. Além de abrigar startups, conta com Salas de Reunião; Espaço Maker, equipado com impressoras 3D e outros recursos para prototipagem, área de coworking com 70 estações de trabalho e um lounge. A criação do centro traz agilidade para a resolução dos desafios da área da saúde e é um ambiente de relacionamento e troca entre a instituição, empreendedores e meio acadêmico.

Assinatura contrato entre Santa Casa e techtools. – Foto: Rogério Brandão

Será no Centro de Inovação que se dará a mais recente iniciativa do complexo hospitalar: o lançamento de um programa de inovação, em uma parceria inédita com a techtools ventures, que irá acelerar mais de 100 startups nos próximos três anos. Com o objetivo de ser referência em soluções para a saúde pública e privada, o Programa de Inovação será estruturado em três níveis e tem como objetivo reduzir o impacto causado pelos atendimentos ao SUS na Santa Casa de Porto Alegre, gerando mais capacidade de investimento pela instituição. A inovação se dará por áreas de expertise da saúde e também no viés de transformação digital, incluindo tecnologia e pessoas.

Novas instalações do Hospital São José. – Foto: Adriana Abad

Modernização: nova estrutura à disposição de todos
Em outubro, ocorreu a inauguração das modernizações e ampliações do Bloco cirúrgico, UTI e Unidade de Internação do Hospital São José, unidade especializada em neurologia e neurocirurgia da Santa Casa. Graças ao grupo Voluntárias pela Vida, que organizou uma série de ações beneficentes que viabilizaram a arrecadação de recursos para a execução da obra, haverá uma ampliação de 50% da área física do bloco cirúrgico e ampliação de 22% da capacidade cirúrgica da unidade hospitalar. Com essa mudança, haverá redução do tempo de espera por uma cirurgia neurológica, que deverá passará de três a quatro meses para aproximadamente duas semanas. Esta entrega proporciona maior segurança no processo assistencial, além de oferecer espaços mais acolhedores e adequados para os pacientes da instituição. Toda a infraestrutura estará à disposição de pacientes usuários do SUS, convênios e particulares.

A Santa Casa
A Santa Casa é um dos mais modernos complexos hospitalares do país, sendo referência brasileira pela qualidade e segurança de sua Medicina, pelo humanismo de sua assistência, pela excelência de seus profissionais e pela modernidade de seus processos e equipamentos. É integrada por nove hospitais: Hospital Santa Clara (geral de adultos e materno-infantil), Hospital São Francisco (cardiologia), Hospital São José (neurologia e neurocirurgia), Hospital da Criança Santo Antônio (pediatria), Pavilhão Pereira Filho (pneumologia), Hospital Santa Rita (oncologia), Hospital Dom Vicente Scherer (transplantes) – localizados no quarteirão do Centro Histórico de Porto Alegre -, Hospital Dom João Becker – em Gravataí, incorporado à Santa Casa em agosto deste ano – e Hospital de Santo Antônio da Patrulha, sob gestão da Santa Casa desde 2017.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência de navegação. Mais informações

As configurações de cookies neste site são definidas para "permitir cookies" para fornecer a você a melhor experiência de navegação, anúncios relevantes e maior segurança do usuário. Se você clicar em "prosseguir", vamos entender que está satisfeito com ele. Consulte nossa Política de Privacidade.

Fechar