DestaqueRS

Alunos de escola municipal de Porto Alegre recebem prêmio nacional de design

A Escola Estadual Eva Carminatti, localizada na Lomba do Pinheiro em Porto Alegre, recebeu na noite de quarta-feira (23) o Prêmio de Design Instituto Tomie Ohtake Leroy Merlin. O evento, realizado em São Paulo, na sede da entidade, também premiou outros 19 trabalhos no país e buscou contemplar projetos de sustentabilidade que destacassem a relação do design com outros campos, como arquitetura, biologia, engenharia, moda, tecnologia e ciências sociais.

O projeto da Escola Eva Carminatti, realizado com os estudantes do 8º e 9º ano do Ensino Fundamental, chama-se “Tudo Muda” e consiste na elaboração de um vaso de plantas ecológico feito com resíduos do refeitório. Os materiais utilizados para a confecção incluem borra de café, polvilho de mandioca, erva-mate, fibra de bananeira, além de cascas de ovos e frutas.

De acordo com o coordenador do projeto, Maurício Manjabosco, a ideia dos alunos foi criar uma alternativa aos vasos tradicionais que acabam, na maioria das vezes, se tornando poluentes para a natureza. “O trabalho acontece há dois anos e tem como proposta pensar o design e a sustentabilidade no Ensino Fundamental, como ferramentas de construção de aprendizagem.”

Projeto Tudo Muda

Elaborado em parceria com os designers Bruna Ávila e Giancarlo Oliveira, o projeto buscou reaproveitar os resíduos orgânicos originados no ambiente escolar e doméstico na forma de um produto que não utilizasse materiais sintéticos ou tóxicos. O resultado foi um vaso para a comercialização de mudas, feito de resíduos orgânicos, sem a necessidade de transplante da muda para outro vaso. O próprio vaso pode ser enterrado, se transformando em adubo para a planta.

Premiação

Cada uma das 20 instituições de ensino recebeu o valor de R$ 5 mil para a execução dos protótipos apresentados na exposição e em um catálogo.

Artigos relacionados