Moda & Beleza

Hidratação capilar previne ressecamento dos fios

A poluição, radiação solar, cloro e o uso excessivo de ferramentas de calor causam uma série de danos a haste capilar, principalmente naquelas pessoas que passaram por procedimentos químicos como alisamentos e colorações, o que leva ao ressecamento e ao comprometimento da saúde dos fios. Por isso é fundamental tomarmos alguns cuidados com os cabelos para evitar que sofram mais danos e acabem quebrando ou caindo, sendo o principal deles a hidratação capilar. “Devendo ser realizada em cabelos de qualquer textura ou tipo, a hidratação é responsável por devolver a água e os nutrientes perdidos que são essenciais para a saúde dos fios, tornando o cabelo maleável, macio, brilhante e livre do ressecamento”, explica a dermatologista Dra Valéria Marcondes.

Podendo ser feita tanto no salão de beleza quanto em casa, a hidratação confere aos fios uma série de benefícios, como recuperar o cabelo danificado pela química, diminuir o frizz, evitar pontas duplas, proporcionar brilho e deixar os cabelos mais sedosos e macios. Por esse motivo que é amplamente indicada e, em alguns casos, pode ser feita diariamente. “Tudo vai depender do seu tipo de cabelo. Cabelos secos ou extremamente danificados podem ser hidratados todos os dias. Já para cabelos mistos a indicação é realizar o procedimento semanalmente”, recomenda a especialista. E não se engane, pois não é por que você tem cabelos oleosos que eles não precisam de hidratação. Isso por que, na maior parte das vezes, a oleosidade está concentrada apenas no couro cabeludo, não conseguindo se espalhar por todo o comprimento dos fios. Se este for o seu caso, o ideal é fazer a hidratação a cada duas semanas.
Entretanto, para hidratar os cabelos corretamente não basta apenas utilizar o condicionador, pois este é um produto mais leve feito para condicionar os fios, não sendo capaz reter água e trazer nutrientes para o cabelo, que é o objetivo da hidratação. Sendo assim, o ideal é usar máscaras capilares, já que estas possuem uma concentração maior de ativos e agem por muito mais tempo no cabelo mesmo após serem lavados. “Na hora de escolher qual produto usar procure por aqueles que contenham ativos de alta propriedade hidratante, como Óleo de Argan, D-Pantenol, glicerina, aloe vera, ceramidas e óleo de abacate”, destaca a médica. Uma boa opção é misturar uma ampola de hidratação com a máscara para potencializar o efeito e deixar seus cabelos mais bonitos, macios e resistentes instantaneamente ou então complementar a hidratação com o uso de óleos vegetais. “O óleo é um grande aliado para ajudar a manter a hidratação dos fios. Mas é importante lembrar que ele deve ser usado em conjunto com a máscara já que sua função é apenas selar as cutículas e repor levemente os nutrientes dos fios, não sendo capaz de reter a água nos cabelos”, completa.

Publicidade

Já para utilizar a máscara capilar, a Dra. Valéria Marcondes explica que você deve iniciar realizando a higienização dos fios, de preferência com um shampoo antirresíduo, para abrir as cutículas. Em seguida, aplique a máscara escolhida em todo o comprimento dos fios, evitando o couro cabeludo, e deixe agir pelo tempo recomendado na embalagem, que geralmente é de cerca de 10 minutos, e então enxague normalmente. “Fique atento ao tempo indicado na embalagem do produto e deixe a máscara nos fios apenas por esse período, pois deixar o produto agir além do recomendado pode causar danos aos cabelos”, alerta. Por fim, utilize um condicionador para fechar as cutículas dos fios.
Dra. Valéria Marcondes é dermatologista da Clínica de Dermatologia Valéria Marcondes, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia com título de especialista e da Academia Americana de Dermatologia. Foi fundadora e é membro da Sociedade de Laser

Etiquetas
Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar