Novo Hamburgo

Projeto da Comusa transformará o Parque Floresta Imperial de NH em centro de educação ambiental

Iniciativa irá ampliar as ações com foco nas escolas da cidade

Um dos mais belos espaços verdes de Novo Hamburgo irá se tornar um espaço de educação para o meio ambiente. O Parque Floresta Imperial passará a abrigar o setor Socioambiental da Comusa Serviços de Água e Esgoto. Com isso, a autarquia utilizará os 7,5 hectares para trabalhar as questões ambientais com crianças da rede de ensino da cidade. A expectativa é que a mudança esteja completa nos próximos 90 dias.

O setor Socioambiental da Comusa é o responsável pelo trabalho de relacionamento com a comunidade. As equipes também mantêm ações contínuas de ensino para a preservação do meio ambiente. Os projetos incluem palestras e projetos regulares, desenvolvidos em diferentes escolas da cidade. “O cuidado com o meio ambiente é de longo prazo e precisa começar ainda na escola”, explica o diretor-geral da Comusa, Márcio Lüders.

Publicidade

A partir da inserção no Parque Floresta Imperial as ações socioambientais da Comusa ganham um amplo espaço verde para receber as escolas. “A Comusa tem um compromisso com a educação para a preservação dos nossos recursos naturais. O parque é um espaço privilegiado para desenvolvermos essas ações, aproximando as crianças da natureza”, reforça Lüders.

MELHORIAS – A Comusa tem buscado parcerias para realizar melhorias no Floresta Imperial. A empresa Car House Toyota fez a doação da pintura dos brinquedos instalados no parque, além do plantio de árvores. O objetivo da autarquia agora é encontrar parceiros para formulação de um projeto de restauro da casa histórica existente no parque. “Queremos ter um projeto bem montado para buscarmos verbas federais para realizar a revitalização desse patrimônio histórico”, reforça o diretor-geral.

Publicidade
Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar