DestaqueSaúde

Saiba evitar lesões ao andar de skate

Ao começar a andar de skate ou tentar aprender um truque ou manobra nova, muitas vezes inevitavelmente você vai cair, faz parte da curva de aprendizado. Depois de um tempo, muitos skatistas aprendem a cair corretamente ou para evitar a queda, desenvolvem técnicas especiais.  Aqui estão alguns exemplos de como evitar quedas e como cair (caso aconteça) com o dano menor possível ao seu sistema músculo esquelético.

Conhecendo seu skate
Ajuste as suas rodas para o ponto onde você se sinta confortável, especialmente quando for comprar pela primeira vez, use uma tabela de ajustes, a maioria das lojas as tem e orientam o melhor ponto de colocação. O erro mais comum é apertar as rodas em excesso. Ajuste para o ponto quando você está em seu skate não force ou emita sons como se estivesse rangendo (alguns óleos sintéticos nas buchas de borracha ajudam). Movimente e rode cada roda para verificar se eles não podem tocar a mesa durante as curvas duras, pois isso gera uma parada súbita. Rodas mais macias são melhores para andar na rua, uma vez que proporcionam muita aderência; no entanto, elas falham em lugares de madeira por exemplo. As rodas mais duras falham menos e criar menos atrito com o solo, permitindo uma maior aderência entre o tênis e a mesa; portanto, eles são mais populares no skate convencional. Todos os ajustes técnicos para o marinheiro de primeira viagem devem ser supervisionados por um profissional mais experiente num primeiro momento.

Publicidade

Não deixe muito sua zona de conforto
Um novo skatista que tentar fazer um flip-360 graus em uma half-pipe tem que rezar pra não ter uma lesão. Você pode tentar tudo o que quiser, mas tenha cuidado sempre, faça uma evolução progressiva do grau de dificuldade de suas manobras. Você deve sair da zona de conforto para evoluir, mas que seja de forma gradual. Nunca tente algo fora do alcance de suas habilidades: ela pode levar a lesões graves.

Aprenda a descer do skate
Se você perder o controle do seu skate, salte dele. Simples assim, você vai continuar com a energia cinética e correr um pouco antes de parar, mas evita a queda.

Se você começar a cair, há algumas coisas que você deve fazer imediatamente. Estes vêm instintivamente tempo e com o treino são elas:

Publicidade

Proteja sua cabeça
Independentemente da sua experiência, ao cair, use de preferência os braços para proteger sua cabeça. Se possuir um capacete de bicicleta ou um especial para o skate é preferível usar para os iniciantes. Especialmente se o seu cérebro ainda está em desenvolvimento (crianças e adolescentes).

Não estenda as mãos para tentar evitar a queda
Isto tende a causar problemas a longo prazo no pulso, devido aos traumas repetitivos. Tentar pousar em uma parte do corpo que é mais acolchoada, de preferência cair em rolamento.

Tente não cair de joelhos
Tente evitar, sempre que possível, bater suas articulações. No momento da queda, os três sítios mais importantes que devem evitar ser atingidos são a cabeça, coluna vertebral e joelhos. A menos que você esteja usando joelheiras, evite cair sobre os joelhos, estatisticamente os entorses e traumas contusionais que atendemos em skatistas são muito comuns nos membros inferiores.

Repouse e aguarde sua recuperação
Depois de algumas quedas duras, tente passar para outra atividade até sua melhora, se for o caso de traumas mais sérios, procure um médico do esporte para te avaliar, mas só volte se estiver 100%. Cada vez que você cair na mesma parte do corpo, o risco de lesões aumenta consideravelmente. E se você andar de skate com dores no corpo, provavelmente não conseguirá fazer as manobras nem andar com a mesma agilidade, favorecendo novamente às quedas.

Conselhos finais:

  • Tentar pousar em ambos os pés, se você cair em um, você pode torcer e quebrar.
  • Certifique-se que a área de patinação está livre de obstáculos como pedras pequenas. Estas podem não parecer ameaçadoras, mas se você passar por elas, suas rodas vao parar e você não vai.
  • Sempre ande de skate com muitas pessoas. Se algo sério acontecer, sempre haverá alguém que pode chamar o número de emergência e ajuda.
  • Se você anda de skate sozinho, sempre leve um telefone com você.
  • Use tênis específicos para skate. Se você for muito rápido e não pode parar, o tênis ajuda a frear.
  • Capacete, joelheiras, cotoveleiras e algumas orteses são extremamente úteis e evitam a maioria das lesões mais sérias.

Ana Paula Simões é Professora Instrutora da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo e Mestre em Medicina, Ortopedia e Traumatologia e Especialista em Medicina e Cirurgia do Pé e Tornozelo pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. É Membro titular da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia; da Associação Brasileira de Medicina e Cirurgia do Tornozelo e Pé, da Sociedade Brasileira de Artroscopia e Traumatologia do Esporte; e da Sociedade Brasileira de Medicina do Esporte

Etiquetas
Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar