DestaquePorto Alegre

Espingardas calibre 12 serão usadas em barreiras policiais de Porto Alegre

O lote de espingardas calibre 12, de 24 polegadas, adquirido para a Guarda Municipal após o decreto do prefeito Nelson Marchezan Júnior publicado no Diário Oficial de Porto Alegre (Dopa) do último dia 4, permitindo a utilização de mais modelos de armas pela corporação, passará a fazer parte da Ronda Ostensiva Municipal (Romu). De acordo com o secretário municipal de Segurança, Rafael Oliveira, o novo armamento será usado em barreiras policiais, operações em áreas de conflitos e em situações mais graves.

Nesta quinta-feira, 12, os agentes da Guarda Municipal receberam treinamento para manejar esse tipo de espingarda, já adotado pela Brigada Militar (BM). Foram ministradas aulas teóricas e práticas no Centro de Treinamento de Técnicas e Táticas Especiais (CTTE). As armas têm potencial para oito tiros, com sistema de repetição.

Publicidade

Conforme o decreto 20.345, agora os agentes com porte válido poderão utilizar todos os modelos de armas previstos na legislação federal (veja aqui a relação). Anteriormente, a legislação municipal limitava o uso a apenas dois calibres – 38 e 380.

O efetivo da Guarda Municipal é de 413 agentes ativos. Destes, 222 estão habilitados para usar armas de fogo. Todos recebem curso específico de capacitação psicológica e são submetidos a treinamento anual de reciclagem. O objetivo é ampliar o número de guardas com porte.

Publicidade
Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar