Porto Alegre

Porto Alegre ganha mais 27 leitos de UTI exclusivos para Covid-19

A nova ala para tratamento da Covid-19 no Hospital Restinga e Extremo Sul (HRES), com 10 leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e 17 de enfermaria, já pode começar a receber pacientes a partir desta segunda-feira, 13. A inauguração foi marcada pela visita, nesta manhã, do prefeito Nelson Marchezan Júnior, que foi recebido pelo presidente da Associação Hospitalar Vila Nova, Dirceu Beltrame Dal’Molin, e pelo diretor-Geral do HRES, Paulo Scolari, e acompanhado pelo presidente da Câmara Municipal de Porto Alegre, vereador Reginaldo Pujol, e pelo secretário municipal de Saúde, Pablo Stürmer.

Publicidade

A ampliação do atendimento no HRES, realizada em parceria com o Ministério da Saúde e o Governo do Estado, faz parte da terceira fase do Plano Municipal de Contingência Hospitalar de Enfrentamento ao Coronavírus, que contempla a expansão da rede de referência para tratamento da doença na Capital, além da suspensão de cirurgias eletivas. Até o momento, Porto Alegre já destinou 203 leitos UTI exclusivamente para cuidar de pacientes infectados pelo novo coronavírus.

De acordo com o prefeito, o avanço na oferta de leitos ocorre na mesma velocidade do aumento da demanda por internações em Porto Alegre. “Até agora, o número de leitos disponíveis para esses pacientes é igual ao número de leitos demandados. Iniciamos pelo Conceição e pelo Clínicas, depois Santa Casa e Hospital Vila Nova, e agora chegamos ao Hospital Restinga”, explica. Mas seguir com o aumento proporcional à demanda só será possível, segundo ele, desde que ocorra um controle da expansão da contaminação na cidade.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar

Seu navegador está bloqueando os anúncios deste site.

Todo o conteúdo deste portal é 100% gratuito. Os anúncios que exibimos é a forma de manter este veículo de informação independente e comprometido somente com você leitor.