Litoral

Capão da Canoa quer criar Fundo Municipal de Emprego

Na tarde de ontem (4), o prefeito de Capão da Canoa, Amauri Magnus Germano, participou de uma reunião com representantes da Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS/Sine). Uma das pautas foi o Conselho Municipal do Trabalho, Emprego e Renda, que vai alinhar as ações junto ao conselho estadual e conselho federal. Também foi projetada a criação do Fundo Municipal de Emprego, responsável por gerir os recursos oriundos do fundo de amparo ao trabalhador.

Também participaram reunião o secretário de Cidadania, Trabalho e Ação Comunitária, Zeno Ribeiro Jr., a diretora do departamento de Indústria e Comércio, Carina Bittencourt, o agente de Desenvolvimento Social da FGTAS, Aclenei Romero de Jesus, o coordenador da Agência de Capão da Canoa, Cristian Machado, e o delegado regional do Trabalho, Marco Prestes.

Para Germano, a parceria com a agência FGTAS/Sine trará significativos avanços para a comunidade. “Estamos, diante de uma pandemia, buscando as melhores maneiras de alocar nossa população no mercado de trabalho”, afirma.

Localizada junto à Casa da Cidadania, na Rua Ceci, 1887, a Agência FGTAS/Sine presta os serviços de intermediação de mão de obra, encaminhamento de seguro-desemprego e de Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), além de ações do Programa Gaúcho do Artesanato (PGA). Em função da pandemia, a agência está funcionando por teleagendamento.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo