Publicidade
Porto AlegreSaúde

Estudo da Coronavac no Hospital São Lucas aceita voluntários

O Hospital São Lucas da PUCRS (HSL-PUCRS), em Porto Alegre, ampliou a participação de voluntários no estudo da vacina contra o novo coronavírus. Desde terça-feira (22), voluntários com mais de 60 anos e pessoas que já tiveram Covid-19 poderão participar da pesquisa. A ampliação do escopo ocorreu em virtude de uma definição do Instituto Butantan e da farmacêutica Sinovac, que conduzem o projeto junto a outros 11 centros de pesquisa no país.

Ampliação da pesquisa

Publicidade

Atualmente, cerca de 600 participantes já receberam pelo menos uma das doses da vacina ou placebo no Hospital. Com o avanço do estudo, a meta inicial de 852 voluntários deverá ser batida, haja vista que os testes serão estendidos até a segunda quinzena de outubro. “Os novos perfis de voluntários que entram nesta etapa do estudo serão importantes para a mensuração dos resultados, que já têm sido muito animadores. Com a ampliação da pesquisa devemos passar com tranquilidade dos mil participantes”, salienta o médico Fabiano Ramos, líder do estudo e chefe do Serviço de Infectologia do Hospital São Lucas.

Os interessados em participar dos testes deverão preencher formulário que está disponível neste link. Todos deverão estar dentro dos demais critérios já estabelecidos na fase anterior da pesquisa. Confira:

CRITÉRIOS DE INCLUSÃO

Ser profissional da saúde e atuar em unidades especializadas em tratamento da Covid-19.
Ter mais de 18 anos idade.

CRITÉRIOS DE EXCLUSÃO

Ser gestante ou ter o desejo de engravidar durante os próximos três meses consecutivos.
Estar em período de amamentação.
Ter doenças crônicas sem devido controle, assim como doenças e/ou uso de medicações que comprometam o sistema imunológico.
Ter participado de outro estudo clínico com administração de produto sob investigação durante os últimos seis meses.
Ter recebido hemoderivados por transfusão nos últimos três meses.

Em casos de dúvidas sobre a participação na pesquisa, a equipe do Hospital está disponível pelo WhatsApp (51) 99929-8871

Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo