Santa Catarina

Prorrogadas as inscrições para o edital do Sebrae e da Petrobras de R$ 22 milhões que incentiva o ecossistema de inovação

Na última edição, das 18 startups selecionadas a nível nacional, três representavam Santa Catarina. As inscrições estão prorrogadas até o dia 15 de agosto

Estão prorrogadas, até o dia 15 de agosto, as inscrições para o 3º edital do Programa Petrobras Conexões para Inovação – Módulo Startups, pela Petrobras, em parceria com o Sebrae. O edital, no valor total de R$ 22 milhões, é o maior de inovação já aberto no setor de óleo gás e energia voltado às startups e pequenas empresas. Na última edição, após um processo seletivo que contou com mais de 350 propostas, das 18 startups selecionadas a nível nacional, três representavam Santa Catarina: LTrace, The Insight e Vertesis. O edital pode ser acessado pelo http://sebrae.sc/edital-petrobras.

As selecionadas terão oportunidade de desenvolver soluções e modelos de negócios acessando uma fatia relevante do mercado: a demanda da Petrobras, com potencial de escala na indústria nacional e internacional. Para isso, a companhia investirá em projetos de até R$ 500 mil e de até R$ 1,5 milhão, a depender da categoria do desafio (soft ou deep tech).

O Módulo Startups faz parte do objetivo da Petrobras de estimular a geração de inovações com alto potencial de impacto e ganhos de eficiência em áreas de interesse do setor.

“Na última edição, três startups catarinenses foram selecionadas para representar Santa Catarina, demonstrando grande potencial com seus projetos de inovação. Esta parceria entre a Petrobras e o Sebrae viabiliza que os pequenos negócios possam ser protagonistas do desenvolvimento do ecossistema de inovação e tecnologia no país, atendendo aos desafios da cadeia produtiva de Petróleo e Gás”, afirma o gerente de atendimento empresarial do Sebrae/SC, Douglas Luís Três.

As startups contarão com a assessoria da Petrobras e do Sebrae para que suas soluções tenham os benefícios comprovados e modelos de negócios que garantam a geração de valor no curto prazo e inserção competitiva no mercado. Para os projetos finalizados com sucesso, a Petrobras buscará viabilizar a continuidade do seu desenvolvimento, com a implantação e testes em campo de um lote piloto ou serviço pioneiro.

Serão 32 desafios nas áreas de eficiência energética, tecnologia de segurança, robótica, redução de carbono, modelagem geológica, tecnologia de inspeção e tecnologia digital. As startups vencedoras recebem suporte financeiro para o desenvolvimento dos projetos de inovação, têm interação com o corpo técnico da Petrobras, capacitação empresarial para posicionamento de mercado e estruturação de planos de negócios, além da participação em Demo Days (Sebrae) com as tecnologias desenvolvidas.

Conheça as startups catarinenses vencedoras na última edição:

LTrace

A LTrace, graduada na incubadora Miditec – Acate e Sebrae, nasceu da parceria entre três estudantes da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Os sócios Fernando Bordignon, Rodrigo Exterkoetter e Leandro Passos de Figueiredo foram colegas e também trabalharam juntos em projetos na época da universidade. Os projetos tinham como objetivo otimizar o processo de modelagem de reservatórios conectando a geofísica com técnicas de machine learning. Ao longo do desenvolvimento, os integrantes também adquiriram experiência em desenvolvimento de módulos para plataformas de análise sísmica, como Petrel e OpendTect, facilitando os entregáveis para que os profissionais da Petrobras pudessem testar e utilizar as soluções desenvolvidas em seus fluxos de trabalho. Portanto, hoje a LTrace tem como finalidade disponibilizar todo o conhecimento adquirido em produtos para o mercado de petróleo.

The Insight

A The Insight é uma startup que desenvolve soluções em inteligência artificial para o mercado de petróleo & gás. O projeto visa estimar a oferta e o preço de energia elétrica de forma dinâmica através da análise de várias fontes de dados do setor. Será desenvolvida uma ferramenta computacional para integrar diversas fontes de dados
externos que simula oferta e preços futuros de energia elétrica no Brasil. Integram a equipe a especialista em gestão de negócios de petróleo & gás Alanna Wilcek, com mais de 20 anos de mercado, o cientista de dados Douglas Barbonaglia e a diretora de marketing Danielle Dias.

Vertesis

A VERTESIS é um spinoff de um projeto de pesquisa realizado entre a UFSC e a Petrobras nas áreas de validação, testes e verificação de sistemas críticos. O projeto da VERTESIS foi selecionado no desafio 01 que consiste no desenvolvimento de ferramentas de digitalização e automação de testes de lógica para antecipar inconsistências nos sistemas de segurança nas fases de projeto, comissionamento e operação. A VERTESIS desenvolveu um conjunto de ferramentas que auxiliam os engenheiros e técnicos durante a fase de projeto na elaboração da documentação funcional de segurança – a Matriz Causa e Efeito – e executa automaticamente testes de lógica no sistema de segurança nas fases de comissionamento e operação. Assim, a VERTESIS é capaz de auxiliar durante todo o processo de ponta a ponta, do projeto ao comissionamento e também durante a sua operação, melhorando a padronização da documentação, reduzindo tempo gasto com correção de erros nas etapas avançadas e aumentando a cobertura dos testes realizados.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo