Centro RS

Lajeado inaugura a Casa Verde – Centro Municipal de Atendimento dos Transtornos do Neurodesenvolvimento

Equipe é formada por terapeuta ocupacional, fonoaudiólogo, psicólogo, nutricionista, médico neurologista e assistente social

Lajeado inaugurou a Casa Verde – Centro Municipal de Atendimento dos Transtornos do Neurodesenvolvimento nesta quinta-feira (7).

Publicidade

Localizado na rua Saldanha Marinho, 703, no bairro Centro, o espaço atenderá crianças e adolescentes, de 3 a 18 anos incompletos, com transtornos do neurodesenvolvimento que não sejam atendidos pelos serviços já existentes na rede municipal, priorizando os transtornos do espectro autista (TEA) e transtornos de comunicação.

A Casa Verde conta com serviço ambulatorial de atendimento multiprofissional com equipe formada por terapeuta ocupacional, fonoaudiólogo, psicólogo, nutricionista, médico neurologista e assistente social. Conforme a enfermeira e coordenadora, Naiana de Quadros, o objetivo da Casa Verde é avaliar as crianças que possuem atrasos de desenvolvimento com diagnóstico ou que estejam em processo de investigação.

De acordo com a Secretaria de Saúde (Sesa), ao verificar um número crescente de crianças apresentando dificuldades no processo de desenvolvimento, foi elaborado o projeto para criação de um serviço municipal que contemplasse esses e outros acompanhamentos.

Como serão os atendimentos

– O atendimento na Casa Verde será mediante regulação. Isso significa que o ingresso dos usuários para receber atendimento será por meio de encaminhamento. A porta de entrada ao serviço se dará após primeiro atendimento na rede de atenção básica, ou seja, os postos de saúde, assim como por meio de serviços especializados da rede municipal.

– O serviço contará com um protocolo de atendimento, sendo ofertadas 20 sessões de atendimentos individuais e grupo de familiares mediante plano terapêutico proposto. Em caso de três faltas consecutivas sem justificativa, será considerado abandono de tratamento e o usuário deverá retomar o processo pelas redes básicas de saúde.

– O Centro funcionará de segunda a quinta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h. Nas sextas-feiras, o turno da manhã será das 8h às 12h, retornando a tarde das 15h às 17h. Das 13h às 15h, o serviço de atendimento ao público será interrompido para reuniões da equipe técnica.

Lajeado já conta com um Centro de Atenção Psicossocial – CAPS Infantil desde 2009, de um Ambulatório de Transtornos de Aprendizagem (ATA), criado em 2017 junto à Secretaria da Educação, além de atendimentos contratados junto a Associação de Pais e Alunos dos Excepcionais (Apae) de Lajeado.

Posts relacionados

Botão Voltar ao topo