EventosNotíciasPorto AlegreVariedades

Rita Zart faz show dia 26, no Theatro São Pedro

Cantora exibe sua versatilidade sonora no projeto Mistura Fina, no dia 26 de janeiro no Foyer Nobre do Theatro São Pedro, em Porto Alegre

Com um novo olhar para as canções de seu EP, “O Que Range”, e de seu último single, “Tempo Tabu”, a cantora Rita Zart se apresenta no próximo dia 26 de janeiro, quinta-feira, às 18h30min, no projeto Mistura Fina, no Theatro São Pedro, em Porto Alegre. Como medida de acessibilidade é oferecida o serviço de audiodescrição pela OVNI Acessibilidade Universal, que está presente em toda a programação, desde a sua primeira edição. A entrada é franca.

Para este show, que mais uma vez mostra a diversidade da música produzida no Estado do RS e no Brasil, Rita Zart incluiu no repertório músicas ainda não lançadas e releituras que inspiram seu trabalho. Ela estará acompanhada de Bruno Vargas (contrabaixo), Giovanna Mottini (guitarra e voz) e Bruno Neves (bateria e beats).

Publicidade

Sobre a convidada

Rita Zart é cantora, compositora e diretora musical de importantes filmes da cinematografia brasileira da última década, como Castanha, Beira-Mar, A Cidade dos Piratas, Raia 4, Legalidade, Tinta Bruta e 7 Prisioneiros. Foi fundadora e integra o Coletivo Gogó, que faz música e som para cinema desde 2006.

No ano de 2019 resgatou sua carreira autoral e foi uma das compositoras residentes selecionadas pelo Projeto Concha, patrocinado pelo Natura Musical. Em novembro do mesmo ano, lançou o EP “O Que Range”, com 5 faixas compostas e produzidas por ela. Em 2020, o clipe da música “Linguagem” figurou em 1° lugar na lista dos Melhores Clipes do Ano no site Hits Perdidos. Em março de 2020, fez o show de estreia de “O Que Range”, no Agulha, em Porto Alegre.

Publicidade

Durante a pandemia, Rita se manteve ativa e participou de algumas apresentações online. Ainda em 2020 foi atração da Noite nos Museus e lançou o clipe de “Apatia”. Musicou poema de Ana Martins Marques para o livro digital Ensaios de Morar do Projeto Concha/ PUC Cultura; compôs a canção “Vaza”, em parceria com Gabriela Lery, e fez uma releitura de Sky Saw, de Brian Eno, para a coletânea “Another Green World Revisitado”.

Em 2021, compôs a trilha sonora do longa-metragem “Este Fin de Semana”, coprodução entre Brasil e Argentina, lançou o single “Acalanto” junto com Felipe Puperi (Tagua Tagua) e Triz, parte da trilha sonora do Filme Raia 4. Foi diretora criativa do álbum “Transfusão”, da artista Viridiana, contemplado pelo edital Natura Musical.

Em 2022, fez shows no Sofar Sounds POA, Projeto Som no Terraço da Casa de Cultura Mario Quintana, no Teatro de Arena, no TEDX Unisinos e foi uma das atrações do Paralelo Festival em São Francisco de Paula, ao lado de atrações como Alceu Valença, Oswaldo Montenegro e Mari Kerber. Lançou, recentemente, seu single, “Tempo Tabu”, pela Sigmund Records, uma parceria com Rodrigo Fischmann (Dingo) e acaba de lançar seu novo clipe da música “O Que Range”.

Sobre o projeto Mistura Fina

Depois de passar um período sendo realizado em formato virtual – de abril de 2020 a agosto de 2021 – o projeto Mistura Fina retomou, em 2022, o modo presencial, no Foyer do Theatro São Pedro, sempre apresentando a diversidade da produção musical brasileira. Em 2023, o propósito se renova, garantindo o encontro entre a arte e o público, motor principal do Mistura Fina, graças à Secretaria de Estado da Cultura, por meio da Lei de Incentivo à Cultura e à Companhia de Gás do Estado do Rio Grande do Sul (Sulgás).

O projeto, iniciado em 2022 e que tem continuidade em 2023, conta com 30 apresentações, com uma linha curatorial ainda mais diversa, trazendo Arthur de Faria e Nanni Rios à frente da curadoria. Somando, uma forte parceira do projeto, a OVNI Acessibilidade Universal, que presta serviço desde a primeira edição e se mantém presente, com audiodescrição em todos os dias do evento.

Com produção e realização da Primeira Fila Produções e correalização do Theatro São Pedro, apoio da OVNI Acessibilidade Universal, assessoria de imprensa da Silvia Abreu e patrocínio da Companhia de Gás do Estado do Rio Grande do Sul (Sulgás), o Mistura Fina exibe a pluralidade da produção musical que se destaca no cenário local e estadual do País. Iniciado em 2018, o projeto abrigou grandes expressões da música, em shows temperados com arte e alta performance artística que se exibiram no Foyer Nobre do Theatro São Pedro.

Em sua quarta edição, já se apresentaram no Mistura Fina, ao longo de 2022: Alma Lusitana e Jairo Klein (30/06), Andrea Cavalheiro e Michel Dorfman (07/07), Bebeto Alves (14/07), Dessa Ferreira (21/07), Gelson Oliveira (28/07), Dudu Sperb (04/08), Duo Vozes de Dandara (11/08), Nelson Coelho de Castro (18), Bel Medula (25/08), Glau Barros (01/09), Pedro Longes (08/09), Loma Pereira (15/09), Zé Adão Barbosa (22/09), Zé Caradípia (29/09), Fernando do Ó e Giovanni Berti (06/10), Nina Fola (13/10), Gustavo Kraemer (20/10), Cleômenes Júnior (27/10), Banda Osvalda (3/11), Pâmela Amaro (10/11), Richard Serraria (17/11), Guto Leite (24/11), Simone e Madalena Rasslan (01/12), Pedro Cassel (08/12) e Ana Matielo e Clarissa Ferreira (15/12). A cantora Viridiana deu início à programação do ano de 2023. Em fevereiro, o projeto faz uma pausa e retorna em março, com grandes atrações musicais.

SERVIÇO:

RITA ZART, na programação do projeto MISTURA FINA

  • Dia 26 de janeiro de 2023, quinta-feira, às 18h30min
  • Duração: 60 min.
  • Foyer Nobre do Theatro São Pedro (Praça da Matriz, s/n°), Porto Alegre-RS
  • Gênero: Livre | Classificação etária: Livre
  • Entrada franca

Botão Voltar ao topo